Helicóptero de Pitt e Angelina aterrissa ilegalmente na Índia

Os atores Angelina Jolie e Brad Pitt enfrentam novos problemas na Índia, aonde chegaram há duas semanas para rodar A Mighty Heart, depois de as autoridades de Jodhpur, no norte do país, denunciarem que seu helicóptero aterrissou ilegalmente nas instalações de um hotel de luxo.O jornal The Times of India informa nesta sexta-feira que, segundo fontes oficiais, o helicóptero que transportava o casal "aterrissou nas instalações do hotel Umaid Bhawan Palace, em Jodpur, sem permissão das autoridades do aeroporto".O piloto utilizou "o pretexto de uma aterrissagem de emergência", mas as autoridades competentes não foram informadas da manobra, afirma o jornal. Por enquanto, as autoridades estudam os detalhes do caso, antes de tomar qualquer medida.Desde que chegou à Índia, o casal conhecido como "Brangelina" tem enfrentado diversos problemas, com incidentes entre seus guarda-costas e os paparazzi que seguem seus passos. O longa, protagonizado por Angelina e produzido pela empresa de Pitt, Plan B, está sendo rodado em meio a um forte esquema de segurança.Angelina e Pitt estão na cidade de Pune, perto de Mumbai, para rodar o filme, dirigido pelo britânico Michael Winterbottom, que se baseia no livro que Mariane, a viúva do jornalista (papel de Angelina), escreveu sobre seu marido. Ainda não se sabe quando o longa entrará em cartaz. Pearl trabalhava para o jornal The Wall Street Journal quando foi seqüestrado e degolado em Karachi, em 2002, enquanto fazia um trabalho de investigação após os atentados de 2001 nos Estados Unidos. Os atores estão na Índia com os três filhos: o cambojano Maddox, a etíope Zahara e Shiloh Nouvel - a única filha biológica dos dois - que nasceu em maio, na Namíbia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.