Helen Mirren: elogios de Blair e um chá com a rainha

O primeiro-ministro do Reino Unido, Tony Blair, divulgou uma declaração nesta segunda, 26, por sua residência oficial, comentando o Oscar concedido a Helen Mirren: "É preciso uma atriz muito especial para assumir um papel deste tipo e fazê-lo com aclamação universal. Helen Mirren é um tipo deatriz muito especial e seu Oscar é sumamente merecido".A atriz britânica de 61 anos, que ganhou oOscar de melhor atriz por seu papel em A Rainha, pode ter umencontro com a rainha Elizabeth II, a mulher que interpreta nofilme, informou hoje uma porta-voz do Palácio de Buckingham.Sobre as informações publicadas na imprensa de que Elizabeth IIconvidará Mirren para tomar o chá, a residência da Família Realafirmou que se trata de "conjeturas, mas estamos vendo uma série deopções. Tenho certeza que a rainha ficará encantada". Um porta-voz do chefe do Governo britânico admitiu que Blair aindanão viu o filme e um porta-voz da rainha já havia informado anteriormente que ela também não assistiu à produção, baseada nos dias posteriores à morte de Diana deGales, ocorrida em 31 de agosto de 1997 em um acidente de trânsitoem Paris. O diretor do filme, Stephen Frears, já tinha sugerido que ele,Mirren e o roteirista Peter Morgan poderiam visitar Elizabeth II nopróximo mês no Palácio de Buckingham. Na cerimônia de entrega dos prêmios Oscar, a atriz rendeu tributoà dedicação da soberana durante seus 55 anos de reinado. Além de Helen, estavam na disputa pela estatueta as atrizesPenélope Cruz (Volver), Judi Dench (Notas sobre um Escândalo),Kate Winslet (Pecados Íntimos) e Meryl Streep (O Diabo VestePrada).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.