Shannon Stapleton/Reuters
Shannon Stapleton/Reuters

Harvey Weinstein vai declarar inocência para juiz

Ex-produtor deve se defender de acusações de estupro e agressão sexual na próxima terça-feira, 5

O Estado de S.Paulo

01 Junho 2018 | 17h35

O ex-produtor de cinema Harvey Weinstein, 66 anos, que vem sendo pivô de um escândalo sexual em Hollywood, deve declarar inocência diante de um juiz na próxima terça-feira, 5, pelas acusações de estupro e agressão sexual. Ben Brafman, advogado de Weinstein, afirmou que seu cliente vai "se defender das acusações sem fundamento". 

+Harvey Weinstein é acusado de estupro pelas autoridades de Nova York

Weinstein foi envolvido em uma onda de acusações de assédio sexual que tomou Hollywood desde a publicação de uma reportagem no New York Times, em outubro de 2017.

+ Harvey Weinstein: relembre os fatos mais importantes do caso

No dia 25 de março, o ex-produtor se apresentou no Fórum Criminal de Manhattan, em Nova York, mas foi liberado após pagar fiança de US$ 1 milhão. Ele entregou seu passaporte e deve usar uma tornozeleira eletônica que restringe sua liberdade aos estados de Nova York e Connecticut.

Weinstein se prepara para responder a uma acusação de estupro de 2013 e outra, de forçar uma jovem a fazer sexo oral nele, em 2004. 

Mais conteúdo sobre:
Harvey Weinstein cinema

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.