"Harry Potter" será o filme mais caro da história

O quarto filme da série Harry Potter vai ser o mais caro da história. Harry Potter e o Cálice de Fogo vai custar fabulosos US$ 307 milhões. O orçamento já está aprovado pelo estúdio Warner Bros. e é maior do que os atuais recordistas da superprodução cinematográfica: Titanic e Pearl Harbor. Ao jornal inglês Sunday Mail, o diretor Mike Newell, que rodará o quarto Harry Potter, disse que está orgulhoso de seu posto: "Penso em mim mesmo como alguém de muita sorte. Vou fazer o filme mais caro que já existiu". Mas também demonstrou que sabe o tamanho da responsabilidade. "Tenho milhões de crianças de 10 anos que não podem ser desapontadas", disse. Apesar de seu alto orçamento, Harry Potter e o Cálice de Fogo não deverá chegar aos cinemas antes de 2005. Antes, pela ordem, chega o terceiro filme da série, Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban. O filme dirigido pelo mexicano Alfonso Cuarón tem estréia prevista para junho deste ano. Enquanto o inglês Mike Newell se orgulha do enorme orçamento do seu Harry Potter, o mexicano Cuarón faz uma leitura diferente do Harry Potter que lhe coube. "É um mito dos nossos tempos. Você lê sobre Fudge e o Ministério da Magia ? aquilo é Tony Blair! E Guantánamo não é diferente de Azkaban", disse ele em referência ao primeiro-ministro britânico e à base militar americana em Cuba onde presos são privados de direitos fundamentais.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.