Disney-Lucasfilm
Disney-Lucasfilm

'Han Solo: Uma História Star Wars' decepciona com U$103 milhões na estreia

'Solo' representa a pior estreia para um filme do universo 'Star Wars' desde que a Disney assumiu a saga em 2015

Rebecca Rubin, Reuters

29 Maio 2018 | 12h30

A força não esteve com Han Solo: Uma História Star Wars nas bilheterias, uma vez que o filme mais recente da franquia espacial não se saiu bem no feriado norte-americano do Memorial Day, arrecadando 103 milhões de dólares em 4.381 cinemas dos Estados Unidos ao longo dos quatro dias do final de semana prolongado, segundo estimativas desta segunda-feira, 28.

O título ficou bem abaixo das projeções, rendendo 84,7 milhões de dólares ao longo de três dias e apenas 148 milhões no exterior.

Solo representa a pior estreia para um filme do universo Star Wars desde que a Disney assumiu a saga em 2015 com Star Wars: O Despertar da Força. Primeiro filme da nova trilogia, O Despertar da Força obteve 248 milhões de dólares em seus três primeiros dias de exibição.

Um ano depois, Rogue One: Uma História Star Wars estreou com 155 milhões de dólares, enquanto Star Wars: Os Últimos Jedi, o capítulo mais recente da saga antes de Solo, saiu de cena só cinco meses atrás em dezembro de 2017 com uma renda de 220 milhões.

Solo ajudou a proporcionar o melhor final de semana para as bilheterias domésticas do Memorial Day desde X-Men: Dias de Um Futuro Esquecido, de 2014, que reinou na ocasião, mas não a melhor estreia desse feriado. Esse feito ainda pertence a Piratas do Caribe: No Fim do Mundo, que estreou com 139,8 milhões de dólares em 2007.

++ Elenco de filme sobre Han Solo é aposta em diversidade e sucesso

O segundo filme derivado da saga Star Wars recebeu críticas mistas – atualmente ele tem uma nota A- no CinemaScore e uma avaliação de 71% por cento no Rotten Tomatoes.

Solo foi o único lançamento de peso do final de semana, o que significa que o restante da bilheteria norte-americana consistiu de atrações já em cartaz há algum tempo. Deadpool 2 recuou para a segunda posição com 55 milhões de dólares arrecadados em 4.349 salas em quatro dias, elevando sua renda doméstica total para 219 milhões.

Em terceiro lugar veio outro sucesso de super-heróis, Vingadores: Guerra Infinita, produção da Marvel e da Disney que rendeu 21,2 milhões de dólares em 3.768 cinemas. Em cinco semanas, seu total doméstico ultrapassou os 626 milhões, e globalmente atingiu a marca de 1,9 bilhão de dólares.

Mais conteúdo sobre:
Star WarsDisney

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.