Guarda-costas de Angelina Jolie enfrentam pais e estudantes

Os guarda-costas de Angelina Jolie maltrataram nesta quinta-feira alguns pais e estudantes de uma escola onde a atriz filmava uma cena do filme A Mighty Heart, disseram testemunhas.A briga começou quando foram abertos os portões da escola Anjuman-e-Islam, que permaneceram fechados durante a rodagem, para permitir que os padres buscassem seus filhos. "Um guarda-costas de Angelina chamou um dos pais de ´maldito índio´", declarou Mohammed Yusuf Patni, secretário geral da Associação de pais e Mestres da instituição. "Os meninos foram maltratados".Patni, que tem dois filhos na escola muçulmana, disse que as "mães também foram empurradas pelos guardas".Dallington TV, uma companhia de produção britânica que organizou a filmagem, culpou os fotógrafos e câmeras que correram no recinto em busca de imagens da estrela norte-americana."Tínhamos permissão e colaboração total da escola", disse Dallington em um comunicado. "Quando as portas foram abertas para permitir que os pais encontrassem seus filhos, os paparazzi correram para dentro da escola causando confusão".Os representantes de Angelina se negaram a comentar o incidente. Este ano, não é o primeiro confronto que envolve os guardas de segurança que rodeiam a atriz desde que ela chegou à Índia no mês passado, com seu companheiro, o ator Brad Pitt e seus três filhos.Em outro incidente, um fotógrafo independente contratado pela AP disse que os guardas de segurança que protegiam o set em Pune o golpearam e o ameaçaram com um arma.Antes disso, enquanto Pitt e Angelina saíam de um hotel, um de seus guardas pegou um fotógrafo britânico pelo pescoço e o insultou.A Mighty Heart se baseia em um livro de Mariane Pearl, aViúva do jornalista do Wall Street Journal Daniel Pearl, que foi seqüestrado e assassinado no Paquistão em 2002, enquanto trabalhava em uma reportagem sobre a militância islâmica.Angelina disse que interpretar Mariane Pearl representa "um grande esforço, pois tenho que fazer o mundo entender esta mulher e sua família. Ela ainda gosta do Paquistão, não guarda nenhum ódio ao país. Ela está por cima de tudo isso e sua força é uma forma de recordar que isto é o que o mundo necessita", havia dito a atriz segundo o jornal DNA. Dirigido por Michael Winterbottom, A Mighty Heart estréia em 2007.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.