Greve de roteiristas adia filmes estrelados por Johnny Depp

Por Boris Kit LOS ANGELES (Hollywood Reporter) - Johnny Depp é o maisrecente ator de primeira linha a cair vítima da greve dosroteiristas de Hollywood. O ator estava previsto para rodar "Shantaram" no invernonorte-americano, mas o projeto foi adiado. "Shantaram" é aadaptação preparada pela Warner Bros. e o Initial EntertainmentGroup do romance homônimo de Gregory David Roberts. Uma das razões pelas quais o filme foi adiado é que oroteiro não estava como os diretores queriam, e a greve atualproíbe que sejam feitas adaptações em roteiros. Preocupaçõescom o orçamento também contribuíram para o adiamento. Fontes disseram que o orçamento de "Shantaram" já estavasuperior a 75 milhões de dólares, fora da zona de conforto doestúdio para o drama ambientado na Índia e no Afeganistão. A história gira em torno de um australiano viciado emheroína e condenado por roubo que escapa de uma penitenciáriade segurança máxima, foge para a Índia e recomeça sua vida comomédico nas favelas de Bombaim. Ele se envolve em falsificação, contrabando e tráfico dearmas, o que o leva ao Afeganistão, onde ele e um chefãomafioso combatem os russos. Eric Roth, cujos créditos como roteirista incluem "ForrestGump", "O Encantador de Cavalos" e "Munique", assinou a últimaversão do roteiro. Outro filme de Johnny Depp a ser suspenso é "The RumDiary", adaptado para a Warner Independent Pictures do romance"Rum -- Diário de um Jornalista Bêbado", de Hunter S. Thompson. Bruce Robinson, cuja comédia de 1987 "Withnail & I" ganhoustatus de cult, estava adaptando e dirigindo o filme. Baseado na experiência de Thompson trabalhando comojornalista freelancer em Porto Rico no final dos anos 1950,"Rum" está na etapa de desenvolvimento. Depp pretendiatrabalhar no filme depois de "Shantaram". O ator será visto nos cinemas em "Sweeney Todd", queestréia em Nova York em 3 de dezembro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.