Gong Li presidirá o júri em Veneza

A atriz chinesa Gong Li será a presidente do júri oficial do 59.º Festival de Cinema de Veneza, que ocorrerá entre 29 de agosto e 8 de setembro. Nesta sexta-feira também se anunciou que o diretor italiano Dino Risi receberá durante o festival um Leão de Ouro pelo conjunto da obra. Gong Li começou a ficar conhecida no Ocidente depois que Sorgo Vermelho, que ela estrelou, foi premiado com o Urso de Ouro no Festival de Berlim. Em 1991, seu filme Lanternas Vermelhas recebeu o Leão de Prata em Veneza e ela conquistou fama internacional, tanto pelo talento quanto pela beleza.Em 1992, Gong Li, dirigida novamente por Zhang Yimou, obteve em Veneza a Copa Volpi de melhor atriz pelo filme A História de Qiu Ju, no qual fazia o papel de uma camponesa grávida que luta para fazer justiça ao marido. O filme ganhou o Leão de Ouro, prêmio máximo em Veneza. Gong Li também trabalhou em filmes conhecidos como Adeus Minha Concubina, de Chen Kaige, e Viver, de Zhang Yimou.Dino Risi, que nasceu em Milão em 1916, é autor de comédias célebres como Aquele que Sabe Viver (1962), Os Monstros (1963) e Perfume de Mulher.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.