"Gladiador" vence nas bilheterias do Brasil

O filme que ressuscitou o épico romano, gênero há tempos desprezado por Hollywood, é o campeão de público do primeiro semestre de 2000. Gladiador é o líder no ranking dos títulos mais vistos no Brasil de dezembro de 1999 até 2 de julho. A lista considera o resultado de dezembro pelo fato de o mês trazer grandes lançamentos e os dois primeiros dias de julho (um sábado e um domingo) para não quebrar a bilheteria do fim de semana, que sempre leva em conta o público da sexta-feira. Desde a sua estréia, em maio,Gladiador levou 2.252.764 espectadores aos cinemas ? segundo ranking divulgado pela Filme B, publicação especializada em números do mercado cinematográfico. O resultado da superprodução protagonizada por Russell Crowe é ainda mais significativo ao se levar em conta a duração do filme ? duas horas e 35 minutos. Extensão que o obriga a ter uma sessão diária a menos nos cinemas ? três em vez de quatro (o padrão). A arrecadação do Brasil, onde Gladiador promete mais fôlego nas férias, já soma R$ 12.841.686. ?Seu sucesso se deve a dois fatores: marca a volta dos grandes épicos e é um filme que agrada igualmente ao público masculino e o feminino. Os homens são atraídos pela ação e as mulheres pelo protagonista e roupagem épica??, diz César Pereira da Silva, gerente-geral da UIP, distribuidora do filme no Brasil. O segundo colocado na lista é O Pequeno Stuart Little, que desde sua estréia em 3 de março levou aos cinemas 2.186.005, arrecadando R$ 9.821.092.Paulo Sérgio de Almeida, diretor da Filme B, levanta outro fator que determinou o estouro de Gladiador nas bilheterias: ?O filme recupera um gênero que combina perfeitamente com a tecnologia dos cinemas multiplex. Essas salas já representam 40% da bilheteria total no País??. Almeida acrescenta que, onde existe multiplex no Brasil, o público vem dobrando ou triplicando. No ano passado, foram vendidos nesses cinemas 20 milhões de ingressos. Em 2000, o número promete subir para 27 milhões.??Nos EUA, onde Gladiador está em cartaz há dez semanas, o título já arrecadou mais de US$ 170 milhões. Atualmente o filme é o 10.º colocado no ranking de bilheteria semanal americana. Desde o lançamento, a produção dirigida por Ridley Scott figura na lista dos Top Ten.No mercado brasileiro, os filmes capazes de desbancar Gladiador dos próximos rankings de 2000 são Missão Impossível 2 e Dinossauro ? respectivamente o campeão e o vice-campeão de público na estréia em 2000. A nova aventura de Tom Cruise foi vista nos três primeiros dias de exibição por um público de 565.228 pessoas ? contra um público de 467.951 da produção pré-histórica da Disney.Os números impressionam, mas ainda estão bem abaixo de resultados obtidos na década de 80, quando o ingresso era mais barato e o brasileiro ia ao cinema com mais freqüência. O campeão de público de estréia de todos os tempos ainda é a primeira versão de Batman para as telas. A aventura do homem-morcego (com Michael Keaton) teve público de 715.520 pessoas em seus três primeiros dias em cartaz.O segundo lugar pertence a Rambo 3, com Sylvester Stallone, que atraiu 593.931 espectadores. Missão Impossível 2 entrou recentemente para a lista (com 565.228 pessoas), passando a perna em Star Wars - Episódio 1: A Ameaça Fantasma, que ocupava o terceiro lugar, por ter sido visto por um 554.557 espectadores em seu lançamento.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.