Divulgação
Divulgação

Francesa Léa Seydoux concorre ao Bafta por atuação em 'Azul É a Cor Mais Quente'

A francesa Léa Seydoux, protagonista de Azul É a Cor Mais Quente, e a queniana Lupita Nyong'o, de 12 Anos de Escravidão, estão entre as indicadas ao prêmio de revelação do Bafta - Academia Britânica para as Artes do Cinema e da Televisão. Em 2013, Seydoux ganhou o prêmio de melhor atriz no Festival de Cannes, honraria que dividiu com Adèle Exarchopoulos, a outra protagonista do filme do diretor Abdellatif Kechiche. A ganhadora do prêmio revelação será eleita pelo voto popular através da página eletrônica da Academia Britânica. Os internautas podem votar até 14 de fevereiro. A premiação acontece no dia 16 de fevereiro, no Royal Opera House de Londres.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.