Filmes disputam lugares de destaque no Festival de Cannes

Com a proximidade do término do Festival Internacional de Cinema de Berlim, as atenções começam a voltar-se ao Festival de Cinema de Cannes, realizado na França, que começa em 16 de maio.Depois da recepção negativa di filme que abriu o evento no ano passado, O Código Da Vinci, os organizadores estão sendo pressionados para encontrar para a abertura da 60.ª edição um filme que agrade mais as críticos.Uma opção é o ambicioso documentário Earth (Terra), co-produzido pela Greenlight Media e a BBC, que lança um olhar belíssimo sobre a vida natural no planeta.Novo SoderberghUm candidato mais convencional para a abertura seria Treze Homens e Um Novo Segredo, de Steven Soderbergh, que já ganhou uma Palma de Ouro. Essa possibilidade garantiria um tapete vermelho cheio de astros, já que o elenco estelar é encabeçado por George Clooney, Matt Damon, Brad Pitt e Al Pacino.The Valley of Elah (O Vale de Elah), sobre o Iraque, escrito e dirigido por Paul Haggis e estrelado por Tommy Lee Jones, Charlize Theron e James Franco, é outra opção que não está descartada.Ainda é cedo para os filmes conquistarem espaços definidos no festival, mas o diretor artístico de Cannes, Thierry Fremaux, terá boas possibilidades de escolha em matéria de títulos americanos e franceses. Entre os americanos está Grind House, de Quentin Tarantino, cineasta amado por Cannes, co-dirigido por Robert Rodriguez.Arrasadores de bilheteriaPiratas do Caribe 3 - No Fim do Mundo pode vir a ser exibido fora da competição principal. A aventura de fantasia Stardust - O Mistério da Estrela Cadente, estrelada por Claire Danes, Robert De Niro e Michelle Pfeiffer, também pode aparecer em Cannes.Homem Aranha 3 não ser exibido no festival, já que estréia nos EUA em 4 de maio. Apesar das primeiras especulações de que Shrek 3, da DreamWorks, pudesse viajar para a Riviera francesa, seguindo o caminho trilhado por seus antecessores, as chances de isso acontecer parecem estar diminuindo.A aventura dirigida pelos irmãos Coen No Country for Old Men, com Tommy Lee Jones, já deve estar pronta em maio, assim como Paranoid Park, do vencedor anterior da Palma de Ouro, Gus van Sant.Mais opçõesAlguns títulos americanos independentes que estão sob consideração são a história de Sean Penn sobre o Alasca Into the Wild, baseada num best-seller de Jon Krakauer e estrelada por Emile Hirsch; o drama/comédia de Harmony Korine Mister LonelyDedication, dirigido por Justin Theroux e estrelado por Billy Crudup.Cassandra´s Dreams, de Woody Allen, com Ewan McGregor, Colin Farrell e Michelle Williams, e Youth Without Youth, de Francis Ford Coppola, também são possibilidades.Em termos de documentários, as possibilidades incluem a produção de Leonardo DiCaprio 11th Hour, uma espécie de guia para a sobrevivência do meio ambiente global, e Sicko, de Michael Moore, que expõe os podres do sistema de saúde americano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.