Filme natalino de terror provoca protesto de religiosos

O remake de um filme que fez sucesso em 1974, mostrando um grupo de estudantes sendo aterrorizado por um assassino no Natal, está causando polêmica nos Estados Unidos.Natal do Terror tem o lançamento marcado para o dia 25 de dezembro nos EUA, e a Dimension Films o está promovendo como "o verdadeiro passeio de trenó". No Brasil a estréia está prevista para 29 de dezembro.Grupos religiosos estão criticando o fato de o longa-metragem estrear exatamente no Natal. "Não tem fundamento lançar um filme que reforça o assassinato e a violência no Natal, uma época de celebração e alegria no mundo todo", disse Mathew Staver, fundador e presidente do Conselho da Liberdade, uma organização dedicada a defender a liberdade de religião e os valores familiares.Para Jennifer Giroux, uma "ativista" pró-Natal, o lançamento do filme no dia 25 de dezembro é abominável. "O uso de música religiosa e do presépio não levam em conta a sensibilidade dos cristãos", disse ela, depois de assistir ao trailer."Não basta ignorar o Natal, agora ele tem de ser ofendido, insultado, profanado? Nosso feriado mais sagrado, um dia santo, está sob ataque."Mas a Dimension Films não se abala. Numa nota, a empresa afirmou: "Existe uma antiga tradição de lançar filmes de terror durante as festas como uma programação contra ao espírito natalino".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.