Filme francês abriu Festival de Berlim

A superprodução Enemy at the Gates, do francês Jean Jacques-Annaud, a mais cara já rodada na Europa - cerca de US$ 90 milhões -, abriu hoje a 51ª edição do Festival Internacional de Cinema de Berlim. Exibido à imprensa pela tarde, o filme será mostrado ao público somente à noite. Conta a história do duelo travado durante a Segunda Guerra Mundial entre um atirador russo e um alemão.Nos próximos dias do festival, 23 filmes de várias partes do mundo estarão competindo pela Urso de Ouro e de Prata do festival. Estima-se que esta edição receba até 18 de fevereiro cerca de 400 mil visitantes, para assistir às mais de 680 produções que serão exibidas nas mais diversas mostras. Três brasileiros participam da seção Panorama (Latitude Zero, de Toni Ventura, Memórias Póstumas, de André Klotzel, e Palíndromo, de Philippe Barcinski) e um outro na seção infantil (O Branco, de Liliana Sulzbach e Ângela Pires). Entre os visitantes esperados desta edição, destaque para Johnny Depp, Anthony Hopkins, Kate Winslet e Juliette Binoche. Pierce Brosman, conhecido por dar vida ao agente 007, cancelou sua participação no festival. O ator, que atua em The Taylor of Panama, filme que concorre na mostra principal, anunciou pela manhã que seu filho nasceu.

Agencia Estado,

07 de fevereiro de 2001 | 15h17

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.