Filme estrelado por Eddie Murphy lidera bilheteria nos EUA

Eddie Murphy, indicado para o Oscar 2007 na categoria melhor ator coadjuvante por Dreamgirls - Em Busca de um Sonho, foi o destaque de arrecadação na América do Norte no domingo, com sua nova comédia, Norbit, que liderou a bilheteria americana neste último fim de semana, apesar das duras críticas recebidas.O filme, em que o ator representa o personagem tímido do título, superou as expectativas e estreou em primeiro lugar na lista dos dez filmes mais assistidos do fim de semana, com uma arrecadação de US$ 33,7 milhões em três dias, informou a distribuidora Paramount Pictures.O filme é o 14.º líder de bilheteria da carreira de Murphy e o que deu o melhor resultado pós-lançamento para Murphy e para a produtora, a DreamWorks, em trabalhos que não são seqüências de outros filmes. Analistas da indústria esperavam que o filme de US$ 60 milhões abrisse as estatísticas na faixa dos US$ 20 milhões.Outra novidade, Hannibal Rising - Por trás da Máscara, o quinto filme sobre o canibal Hannibal Lecter, ficou no segundo lugar, com decepcionantes US$ 13,4 milhões.O campeão do último fim de semana, Os Mensageiros, feito com orçamento baixo, caiu para o quarto lugar, com 7,2 milhões de dólares, atrás da comédia romântica de Diane Keaton Seja Feita a Minha Vontade, que arrecadou US$ 9 milhões. A comédia Uma Noite No museu, de Ben Stiller, manteve o quinto lugar, com US$ 5,8 milhões.Oscar A duas semanas do Oscar, os concorrentes ao prêmio ficaram atrás na tabela. O Labirinto do Fauno ficou em oitavo, com US$ 3,6 milhões, Dreamgirls em nono, com US$ 3,1 milhões e A Rainha em décimo, com US$ 2,5 milhões.O total de vendas caiu pelo sexto fim de semana seguido, em comparação com o mesmo período há um ano, de acordo com a empresa Media by Numbers. A arrecadação em um ano caiu 4%, para 911 milhões de dólares, disse a firma.Murphy volta às raízes com a comédia Norbit, baseada em uma história desenvolvida com seu irmão, Charles. Ele já havia representado papel duplo, em filmes de O Professor Aloprado.Os críticos admiraram a maquiagem e o figurino de Norbit, mas disseram que o filme não é engraçado e usa estereótipos racistas. "As pessoas têm de ter senso de humor", respondeu Marvin Levy, porta-voz da DreamWorks.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.