Filme de Mel Gibson fica em primeiro lugar nos EUA

O novo e polêmico filme do ator e diretor Mel Gibson, Apocalipto, ficou em primeiro lugar nas bilheterias americanas neste fim de semana. O épico falado em dialeto maia, e que enfrentou críticas de representantes indígenas na Guatemala, arrecadou US$ 14,2 milhões (o equivalente a cerca de R$ 40 milhões) em seu primeiro fim de semana de exibição.Apocalipto, que mostra a conquista de uma tribo da América Central por uma tribo vizinha, foi criticado por alguns grupos por retratar as culturas antigas como selvagens.Em Hollywood, temia-se que Gibson tivesse prejudicado sua carreira depois do incidente em que fez comentários anti-semitas quando foi flagrado por policiais dirigindo alcoolizado."Acho que as pessoas provavelmente estão surpresas com o fato de (o filme) ser o número um. Há dois meses, ninguém teria apostado nisso", afirma Chuch Viane, da distribuidora Disney.Longa anteriorMas a boa estréia do longa fica pequena perto do sucesso do filme anterior dirigido por Mel Gibson, A Paixão de Cristo, que arrecadou US$ 83,8 milhões em seu primeiro fim de semana de exibição.A comédia romântica O Amor Não Tira Férias, com Kate Winslet e Jude Law, ficou em segundo lugar nos Estados Unidos, arrecadando US$ 13,5 milhões.Happy Feet - O Pingüim, que antes ocupava a primeira posição, ficou em terceiro lugar com US$ 12,7 milhões, ainda à frente de 007 - Cassino Royale, que faturou US$ 8,8 milhões.O violento Diamante de Sangue, com Leonardo DiCaprio, ficou em quinto lugar, arrecadando US$ 8,5 milhões.A venda de ingressos neste fim de semana caiu nos Estados Unidos em comparação com o mesmo período de 2005, com os 12 primeiros colocados na bilheteria arrecadando US$ 86,7 milhões neste fim de semana. Em 2005, esse valor chegou a US$ 115,8 milhões. Os campeões da bilheteria nos EUA:1. Apocalipto (US$ 14,2 milhões) 2. O Amor não Tira Férias (US$ 13,5 milhões) 3. Happy Feet - O Pingüim (US$ 12,7 milhões) 4. 007 - Cassino Royale (US$ 8,8 milhões) 5. Diamante de Sangue (US$ 8,5 milhões) 6. Menores Desacompanhados (US$ 6,2 milhões) 7. Déjà Vu (US$ 6 milhões) 8. Jesus - A História do Nascimento (US$ 5,4 milhões) 9. Um Natal Brilhante (US$ 3,9 milhões) 10. Meu Papai é Noel 3 (US$ 3,3 milhões)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.