Filme de Ghobadi é indicado para o Oscar

O diretor iraniano Bahman Ghobadi, de Tempo de Embebedar Cavalos, está em São Paulo promovendo o seu filme, além de ter participado de um debate sobre cinema iraniano na última sexta, com outros quatro diretores. Entre seus conterrâneos, Ghobadi recebeu hoje o melhor dos comunicados: seu filme foi escolhido no Irã para ser o representante do país a disputar o prêmio de Melhor Filme Estrangeiro no Oscar 2001.Tempo de Embebedar Cavalos foi um dos filmes mais votados pelo público presente nas sessões da 24.ª Mostra, e também está na seleção de 12 filmes que devem ser analisados pelo júri do evento. Com uma observação bastante crítica, Ghobadi mostra a triste saga de um garoto órfão com uma doença grave, cujos irmãos se esforçam em salvar. O filme já foi ganhador, neste ano, do Prêmio Câmera d´Or do Festival de Cannes.A candidatura do longa de Ghobadi, uma co-produção francesa de 77 minutos, foi anunciada hoje pela manhã. Tempo de Embebedar Cavalos deve disputar a indicação com o brasileiro Eu, Tu, Eles, anunciado dia 24/10, o francês Le Gout des Autres, de Agnés Jaoui, anunciado dia 2/10, e You´re the one, Una Historia de Entonces, do espanhol José Luis Garci, que foi aunciado hoje.Os países que foram convidados pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood devem dar suas indicações até o dia 1.º de novembro. Em dezembro, a Academia começa a fazer a seleção para divulgar a lista daqueles que concorrerão ao Oscar no dia 13 de fevereiro de 2001.

Agencia Estado,

30 de outubro de 2000 | 21h12

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.