Armory Films
Armory Films

Filme com Kevin Spacey arrecada US$ 126 na estreia nos EUA

'Billionaire Boys Club' estreou em apenas 10 salas de cinema; 'Podres de Ricos' liderou as bilheterias do país com US$ 34 milhões

O Estado de S. Paulo

19 de agosto de 2018 | 18h08

LOS ANGELES — Billionaire Boys Club, filme mais recente de Kevin Spacey, arrecadou apenas US$ 126 no seu primeiro dia nas salas de cinema dos EUA. O filme estreou neste fim de semana em 10 salas no país e a previsão era de que os números chegariam a US$ 500 até o fim do domingo, 19.

O filme anterior com o ator, Baby Driver, arrecadou US$ 20,5 milhões no seu primeiro dia.

A enorme diferença mostra a força do movimento #MeToo. Spacey foi um dos principais nomes envolvidos nas denúncias de abusos sexuais na indústria do entretenimento. Mais de uma dúzia de homens acusaram o ator de assédio, e pelo menos seis processos criminais correm nos EUA e na Inglaterra contra ele.

Já Podres de Ricos (Crazy Rich Asians) tem motivos para festejar.

A aguardada comédia romântica da Warner Bros. estreou acima das expectativas, com uma soma de cinco dias de US$ 34 milhões ao ser lançada em 3.384 cinemas.

A aclamada comédia de Jon M.Chu — seu primeiro filme de estúdio em mais de 25 anos, desde O Clube da Felicidade e da Sorte, a ter um elenco quase todo asiático-americano — teve um orçamento modesto de US$ 30 milhões.

O entusiasmo tem sido grande para Podres de Ricos, que chega aos cinemas conforme Hollywood sofre pressões para apresentar maior diversidade nas telonas. O filme possui uma nota de 93 por cento no agregador Rotten Tomatoes, assim como um conceito A no CinemaScore.

Podres de Ricos é a primeira comédia romântica em quase três anos (desde Descompensada, de Amy Schumer) a estrear com mais de US$ 20 milhões em bilheterias. Nos anos recentes, o gênero tem lutado nas bilheterias. Recentemente, o remake de Overboard com Anna Faris e Eugenio Derbez estreou com modestos US$ 14 milhões. Antes disto, Sexy por Acidente — com Amy Schumer, Michelle Williams e Emily Ratajkowski — arrecadou US$ 16 milhões.

Megatubarão, também da Warner Bros., arrecadou US$ 21,5 milhões em seu segundo final de semana. O suspense envolvendo um tubarão gigante já arrecadou mais de US$ 84 milhões na América do Norte.

Outro lançamento, 22 Milhas, de Mark Wahlberg, estreou abaixo das expectativas, com US$ 13,6 milhões de dólares em 3.482 cinemas. O filme é a quarta colaboração entre Wahlberg e o diretor Peter Berg. A esperança é que o suspense repleto de ação gere uma franquia, mas isto ainda será analisado, dado o orçamento estimado entre 30 e 50 milhões de dólares do filme.

A última estreia do fim de semana, Alfa, conquistou US$ 10,5 milhões em 2.719 cinemas. O filme é da Studio 8 e é distribuído pela Sony. Embora sua estreia tenha sido ligeiramente acima das projeções, o filme ainda precisa ganhar ritmo para justificar um orçamento de produção de US$ 50 milhões.

Enquanto isso, a missão mais recente de Tom Cruise ainda se mostra lucrativa. Missão: Impossível – Efeito Fallout ficou em quarto lugar, junto a Alfa, com US$ 10,5 milhões em seu quarto final de semana, levando sua arrecadação na América do Norte para US$ 180 milhões. No exterior, o filme conquistou mais US$ 20,5 milhões, somando um total internacional de 320 milhões.

Nas bilheterias especiais, Julieta, Nua e Crua arrecadou 60 mil dólares ao estrear em quatro cinemas. Baseado no romance de Nick Hornby, o filme — estrelando Rose Byrne, Ethan Hawke e Chris O’Dowd — recebeu elogios após exibição no Festival Sundance.

The Wife, com Glenn Close, Jonathan Pryce e Christian Slater teve a maior média do final de semana. O filme arrecadou 27 mil por local, somando US$ 110 mil no final de semana.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.