Filme britânico simula captura do príncipe Harry no Afeganistão

LONDRES (Reuters Life!) - Um documentário que será exibido este mês na TV britânica vai examinar o que poderia acontecer se o príncipe Harry, neto da rainha Elizabeth 2a, tivesse sido capturado quando estava cumprindo suas obrigações militares no Afeganistão.

REUTERS

06 de outubro de 2010 | 11h44

"A Captura do Príncipe Harry", previsto para ser transmitido no dia 21 de outubro pelo Canal 4, simula um acidente de helicóptero no sul do Afeganistão e a subsequente captura de Harry, que é o terceiro na linha de sucessão do trono britânico.

Harry, de 26 anos, serviu nas forças armadas britânicas no Afeganistão em 2008, tornando-se o primeiro membro da realeza a entrar em ação desde que um de seus tios, o príncipe Andrew, pilotou helicópteros na Guerra das Malvinas (Falklands) em 1982.

Harry já falou sobre seu desejo de retornar ao Afeganistão, de onde foi forçado a partir prematuramente depois que vazou a informação de sua presença na guerra.

"'A Captura do Príncipe Harry' levanta questões sobre as extensas ramificações para a Grã-Bretanha no caso de ser atendido o desejo do príncipe, de voltar ao Afeganistão, e ele acabar capturado. O filme pergunta se a Grã-Bretanha está preparada para este potencial pedido de resgate", assinalou o Canal 4 em um comunicado.

Uma porta-voz da emissora disse que o Canal 4 contatou a família real britânica sobre o filme, mas não recebeu resposta.

(Reportagem de Mike Collett-White)

Tudo o que sabemos sobre:
FILMEPRINCIPEDOCUMENTARIO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.