Filme brasileiro é homenageado em festival de Buenos Aires

'Os Monstros' fala sobre a vida de um grupo de amigos e suas frustrações

EFE,

17 Abril 2011 | 10h32

Buenos Aires - O filme brasileiro Os Monstros recebeu neste sábado, 16, uma menção especial do júri na terceira edição Festival Internacional de Cinema Independente de Buenos Aires (Bafici), que encerra neste domingo, após dez dias de exibições.

Obra de Guto Parente, Luiz Pretti, Pedro Diógenes e Ricardo Pretti, o longa-metragem cearense, de 81 minutos, fala sobre a vida de um grupo de amigos e suas frustrações, inspirado na amizade dos próprios realizadores.

O prêmio de Melhor Filme foi para o documentário Qu'ils Reposent en Révolte, do diretor francês Sylvain George, um longa que relata o drama da imigração. A produção também conquistou no evento o prêmio da crítica concedido pela Federação Internacional da Imprensa Cinematográfica (Fipresci).

Os 426 longas e curtas na programação do festival são procedentes de Brasil, Argentina, Alemanha, Espanha, Estados Unidos, França, Grécia, Guatemala, Itália, Japão, Portugal, Romênia, Sérvia e Uruguai

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.