Festival de Veneza homenageia Omar Sharif

O veterano ator egípcio Omar Sharif vai receber um Leão de Ouro no próximo Festival de Veneza pelo conjunto de sua obra. Sharif, que tem 71 anos e há 50 é ator de cinema, estrelou clássicos como Doutor Jivago, Genghis Khan e Lawrence da Arábia. Além do Leão de Ouro especial, Sharif será homenageado com a exibição de seu último filme, Mr. Ibrahim and the Flowers of the Quran, em que ele vive um velho muçulmano que adota um menino judeu.Veneza também vai conferir um Leão de Ouro pelo conjuto da obra ao lendário produtor italiano Dino de Laurentiis, que produziu entre muitos outros filmes A Estrada da Vida e Noites de Cabíria, de Federico Fellini. A 60ª edição do Festival de Veneza vai de 27 de agosto a 6 de setembro.Condenação - A decisão de homenagear Sharif vem dias depois de o ator ser condenado por agredir um policial em um cassino em Paris. A pena de um mês de cadeia foi substituída por uma multa de pouco mais de US$ 1,6 mil. Sharif estava jogando roleta num cassino quando discutiu com um crupiê. Um policial então pediu que o ator saísse do cassino, mas ele o ofendeu lhe deu um golpe com a cabeça. Depois, no tribunal, Sharif disse que não se lembrava de nada do que ocorrera no cassino. Contudo, as câmeras do circuito interno de segurança gravaram as cenas de agressão, que foram mostradas ao juiz. O ator, então, teve que se desculpar.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.