Festival de Cannes aposta em Karim Aïnouz

Karim Aïnouz, de Madame Satã, foi selecionado ao lado de outros cinco cineastas estreantes para a Résidence du Festival, um concorrido workshop do Festival de Cannes que este ano teve 122 candidatos. A seleção foi feita por Claire Denis, tomando por base curtas ou longas de estréia. O de Karim, Madame Satã, passou na Quinzena dos Realizadores da edição 2003 de Cannes.O curso acontece em Paris. Começa em outubro e dura quatro meses e meio, com direito a hospedagem, aulas de francês, passe livre nos cinemas e um auxílio de 750 euros. A idéia é incentivar e auxiliar os cineastas a criarem seu primeiro ou segundo longa de ficção. Os demais selecionados são Veronica Chen (Argentina), Stephen Ellis (Inglaterra), Kirsi Liimatainen (Finlândia), Kornel Mundrunczó (Hungria) e Marta Parlatore (Itália).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.