Divulgação
Divulgação

Festival de Brasília divulga filmes da competição

Evento será realizado entre 15 e 22 de setembro

Luiz Zanin Oricchio, O Estado de S. Paulo

27 Julho 2015 | 21h59

Seis longas-metragens disputam os troféus Candango do 48.º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro, que se realiza entre 15 e 22 de setembro. A organização do evento divulgou na segunda, 27, os títulos dos longas que, com 12 curtas-metragens, compõem o programa competitivo do mais antigo e duradouro evento do gênero no País. A relação dos selecionados contempla a volta de um dos diretores mais conhecidos do festival brasiliense, o pernambucano Claudio Assis, que agora concorre com Big Jato, inspirado no livro homônimo do escritor e cronista Xico Sá. Assis venceu o Festival de Brasília de 2002 com Amarelo Manga, até hoje tido por alguns críticos como o seu melhor filme.

Outro cineasta bastante conhecido que leva seu novo trabalho a Brasília é Roberto Gervitz, que concorre com Prova de Coragem. Gervitz é autor de filmes como Feliz Ano Velho, adaptado de Marcelo Rubens Paiva, e Jogo Subterrâneo, que leva para a tela a prosa fantástica do argentino Julio Cortázar. 

Cristiano Burlan, diretor que fez sucesso de crítica com o denso documentário familiar Mataram Meu Irmão, entra na disputa com um trabalho ficcional, Fome, que tem em seu elenco o ensaísta e professor da USP Jean-Claude Bernardet, agora dedicado à carreira de ator. 

Outro nome vindo do documentário que se faz presente em Brasília é o baiano, radicado no Paraná, Aly Muritiba, um dos criadores do badalado festival Olhar de Cinema, de Curitiba. Aly, que tem em seu currículo um agudo estudo sobre o sistema prisional brasileiro, chamado A Gente, concorre aos Candangos com a ficção Para Minha Amada Morta. Completam a lista A Família Dionti, de Alan Minas, e Santoro - o Homem e Sua Música, de John Howard Szerman. 

Os 12 curtas e médias selecionados são A Outra Margem, À Parte do Inferno, Afonso É Uma Brazza, Cidade Nova, Command Action, Copyleft, História de Uma Pena, O Corpo, O Sinaleiro, Quinta, Rapsódia para o Homem Negro e Tarântula. Os concorrentes foram selecionados entre 130 longas, 221 médias e 237 curtas inscritos. 

Mais conteúdo sobre:
cinemaFestival de Brasília

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.