Festival de Berlim estende tapete vermelho para realeza do rock

Madonna e os Rolling Stones vão disputaras atenções no tapete vermelho do Festival de Cinema de Berlim,cuja maratona cinematográfica de 11 dias começa naquinta-feira, marcada pela música. Entre uma canção e outra serão vistos filmes intransigentesda vida real, incluindo um documentário sobre os abusoscometidos na prisão de Abu Ghraib, no Iraque, e umlonga-metragem sobre soldados crianças na Eritréia. O evento anual será inaugurado com a exibição de "Shine aLight", documentário de Martin Scorsese sobre a veterana bandabritânica Rolling Stones, baseado em imagens de dois shows dabanda em Nova York em 2006 e também em materiais de arquivo. Ter Mick Jagger e Scorsese na noite de abertura é um trunfoimportante para o diretor do festival, Dieter Kosslick, que nopassado teve dificuldades em conseguir filmes fortes para anoite inaugural. "Shine a Light" não está na competição principal, de modoque não concorre aos prêmios que serão entregues em 16 defevereiro e que incluem o cobiçado Urso de Ouro, entregue aomelhor filme. "Filth and Wisdom", de Madonna, também está fora dacompetição principal, mas a estréia da rainha do pop comodiretora não poderá deixar de suscitar comparações -- elogiosasou não -- com o trabalho de seu marido, o cineasta Guy Ritchie. Kosslick disse recentemente que Madonna lhe escreveu parapedir que incluísse seu filme no festival. "Não a conheço pessoalmente, mas nunca antes recebi umcartão de alguém dizendo: 'Caro Dieter, se você gostar de meufilme eu adoraria que fosse exibido em Berlim. Cordialmente,Madonna'. Obviamente, isso me impressionou." Além da realeza do rock, os organizadores esperam poralgumas celebridades de Hollywood, cuja presença é crucial parao sucesso do primeiro grande festival de cinema europeu do ano. Está prevista a presença de Scarlett Johansson, NataliePortman, Penelope Cruz e Daniel Day-Lewis. Continuando com a temática musical, o festival terá "PattiSmith: Dream of Life", sobre a poetisa e cantora Patti Smith, e"Bananaz", documentário sobre a banda indie britânica Gorillaz. "Heavy Metal in Baghdad" é sobre uma banda iraquiana quefez apenas alguns poucos shows, devido à violência, fugindopara a Turquia depois de receber ameaças de morte de gruposinsurgentes. O Brasil participa da competição com o filme "Tropa daElite", do diretor José Padilha.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.