Festival de Berlim anuncia filmes da competição

Os organizadores do 56.º Festival Internacional de Cinema de Berlim, mais conhecido como Berlinale, anunciaram nesta terça-feira os filmes que vão disputar o Urso de Ouro e o Urso de Prata durante o evento que vai acontecer entre os dias 9 e 19 de fevereiro do próximo ano. Veja o site oficialGeorge Clooney, Sigourney Weaver e Matt Damon, estão entre as estrelas que passarão pelo tapete vermelho da Berlinale, mas segundo o diretor do festival, o evento será marcado tanto pelos diretores famosos como pelas produções de novos cineastas, conforme informou hoje o diretor do festival Dieter Kosslick. A atriz Charlotte Rampling vai presidir o júri da Berlinale 2006. Ao todo foram selecionados nove filmes, entre os quais seis farão suas estréias mundiais durante o evento e outros serão exibidos fora de concurso. O programa envolve um total de 26 filmes, cuja relação final será divulgada em meados de janeiro. The New World, de Terrence Malick, dos EUA, será exibido fora de concurso. Estrelado por Colin Farrell como o investigador viajante John Smith, que foi da Inglaterra para a América no século 17 e se apaixonou por Pocahontas (1595-1617), a filha do poderoso cacique indígena Powhatan, no atual Estado de Virginia.Outro filme que será exibido fora de concurso será Syriana, um suspense político produzido e protagonizado por George Clooney, com Christopher Plummer e Matt Damon. Stephen Gaghan (roteirista de Traffic é o diretor deste filme sobre os negócios e ações mundiais de companhias petrolíferas.Candy, de Neil Armfield, com Heath Ledger(Brokeback Mountain) e Abbie Cornish (Somersault), representará a Austrália. O filme britânico-canadense Snow Cake, que também terá estréia mundial em Berlim, do diretor Marc Evans, trata da amizade entre um homem (Alan Rickman), traumatizado por um grave acidente automobilístico e uma mulher autista (Sigourney Weaver).Grbavica, é a estréia da diretora bósnia Jasmila Banic no longa-metragem de ficção e também no festival, sobre uma mulher violentada durante a guerra dos Bálcãs. O filme foi co-produzido pela Áustria, Bósnia-Herzegovina, Alemanha e Croácia.Da Ásia foram escolhidos dois filmes: o triler psicológico Invisible Waves, estréia mundial do diretor tailandês Ratanaruag Pen-ek (Last Life in the Universe), que retrata um assassino em liberdade e The Promise, de Chen Kaige, a produção mais cara da história da China (US$ 35 milhões de dólares), sobre ahistória de amor de uma princesa e três homens.Da Alemanha, o diretor Oskar Roehler (Os Intocáveis), concorre com uma adaptação de Partículas Elementares de Michel Houellebecq, em que dois irmãos procuram o sentido da vida e se confrontam com sua solidão e suas obsessões sexuais, com Moritz Bleibtreu, Christian Ulmen, Franka Potente e Corinna Harfouch.Requiem, de Hans-Christian Schmid, relata a história de um exorcismo praticado na Alemanha na década de 1970, com a atriz alemã Sandra Hueller, em seu primeiro papel importante no cinema.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.