Mike Blake/ Reuters
Mike Blake/ Reuters

Festas do Oscar 2020 terão comidas à base de vegetais e nada de garrafas de plástico

Joaquin Phoenix leva muito a sério essa questão da sustentabilidade, escolhendo usar o mesmo terno durante toda a temporada para 'diminuir o desperdício'

Ubiratan Brasil, Enviado Especial

09 de fevereiro de 2020 | 16h06

LOS ANGELES - O hábito vegano começou no início do ano, com a premiação do Globo de Ouro, e se alastrou pelas festas seguintes do mundo do cinema até chegar ao Oscar: abraçar a causa da sustentabilidade. Isso significa que a festa desta noite, em Los Angeles, será marcada por comidas à base de vegetais, além da proibição de garrafas de plástico. A Academia informou ainda que todos os alimentos servidos serão produzidos de forma sustentável.

A causa foi abraçada pela classe artística, com muitos atores deixando de usar constantemente aviões e jatos, trocando-os por carros híbridos ou elétricos em suas viagens.

Um dos mais ativos é Joaquin Phoenix, favorito para levar a estatueta de melhor ator, por Coringa, e vegano de longa data. Para o jantar do Globo de Ouro, por exemplo, ele pediu aos organizadores que servissem um cardápio totalmente vegetal, pela primeira vez. “Consumir animais não é mais uma escolha pessoal justa. Ela traz uma consequência vasta e drástica para o resto do mundo e a todos nós”, disse ele, na época.

Phoenix também escolheu usar o mesmo terno durante toda a temporada para “diminuir o desperdício”, disse a designer Stella McCartney, que desenhou a peça.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.