ANSA
ANSA

Família de Halyna Hutchins, morta no set de filmagem, processa Alec Baldwin

Longa 'Rust', rodado no Novo México, foi alvo de denúncias por integrantes do set por precarizar procedimentos de segurança

AFP, O Estado de S.Paulo

15 de fevereiro de 2022 | 17h30

A família da mulher morta no set do western Rust com um tiro acidental processou nesta terça-feira (15) por homicídio culposo o ator Alec Baldwin, que portava a arma que fez o disparo. Em outubro passado, Baldwin ensaiava em um set do Novo México com um revólver junto de Halyna Hutchins, diretora de fotografia do filme, quando ocorreu o disparo que a feriu mortalmente.

Durante coletiva de imprensa nesta terça, o advogado Brian Parnish argumentou que Baldwin e outros produtores do western incorreram em "conduta imprudente e medidas para reduzir custos", resultando na morte de Hutchins. O advogado que representa Mathew e Andros, respectivamente marido e filho de Hutchins, apresentou uma lista de "pelo menos 15 procedimentos padrão da indústria" que, disse, foram ignorados pelos produtores no set.

Entre estes estão não usar armas cenográficas no lugar de um revólver real, ausência de pessoas qualificadas para manipular armas no set e falta de equipamentos de proteção para os profissionais. Parnish também argumentou que Baldwin "se recuou" a receber treinamento para sacar a arma. O advogado mostrou uma reconstrução em 3D do incidente.

A ação foi apresentada no Novo México, onde ocorreu a tragédia.

Ao ser questionado sobre o montante da compensação financeira que a família de Hutchins espera receber, Parnish disse acreditar que é "substancial". Esta ação é a mais recente dos processos legais relacionados com o trágico evento.

Em novembro, Serge Svetnoy, diretor de iluminação do western de baixo orçamento que Baldwin protagonizava e produzia, processou o ator por negligência.

A armeira do filme, Hannah Gutierrez-Reed, processou em janeiro o fornecedor de munição da produção, acusando-o de colocar balas reais em cartuchos de festim. Uma investigação criminal está em curso, mas até o momento ninguém foi detido, nem sofreu acusações penais. Baldwin disse em várias ocasiões ter conversado com a família de Hutchins, morta aos 42 anos.

Em dezembro, durante entrevista a uma emissora americana, ele contou que quando lhe entregaram a arma para o ensaio, disseram-lhe que estava descarregada. Explicou ter apontado na direção de Hutchins, seguindo instruções, enquanto repassava como a cena seria filmada.

Na mesma entrevista, assegurou que não apertou o gatilho do revólver e que apenas a engatilhou.

Tudo o que sabemos sobre:
Alec BaldwincinemaarmaHalyna Hutchins

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.