"Fahrenheit 11 de Setembro" chega ao DVD

O presidente dos EUA, George W. Bush, vai enfrentar uma batalha nos lares americanos quatro semanas antes da eleição: Fahrenheit 11 de Setembro, o polêmico documentário de Michael Moore, será lançado em DVD e fitas de vídeo em 5 de outubro. O anúncio, feito hoje, confirma a intenção inicial de Moore de ter o filme lançado antes do dia da eleição, um desejo que ele deixou claro desde o Festival de Cinema de Cannes, em maio, quando ganhou a Palma de Ouro, prêmio máximo do evento. Depois de o filme estrear com recorde de bilheteria para um documentário, a distribuidora Lions Gate deu a entender que o longa poderia continuar sendo exibido nos cinemas até o final do ano, atrasando o lançamento para fitas e DVDs. O filme fez US$ 115 milhões apenas nas bilheterias americanas, sendo o primeiro documentário a passar a marcad dos US$ 100 milhões. A Columbia TriStar vai ser a empresa responsável pelo lançamento do filme em fita e DVD, que terá uma série de extras, entre eles um pequeno clipe contando as dificuldades para o lançamento do filme, que perdeu sua distribuidora, a Disney, no primeiro semestre.

Agencia Estado,

16 de agosto de 2004 | 20h48

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.