Faça um pedido

Quer poder voar ou ter um fone de ouvido grudado na cabeça? Com 'A Pedra Mágica', todo desejo é realizado

Alexandre Matias, O Estado de S. Paulo

29 de agosto de 2009 | 01h00

Qual é a coisa que você mais quer fazer na vida? Muita gente acha que basta ter acesso à tecnologia para conseguir tudo. Assim pensavam os habitantes de Black Falls, uma cidadezinha criada ao redor de uma empresa que fabricava o aparelho Black Box, uma espécie de celular que faz tudo. Até que, um dia, uma pedra cai do céu. É uma pedra poderosa, que permite realizar os desejos de quem a possui.

 

 

Essa é a história do filme A Pedra Mágica, do diretor Robert Rodriguez, que estreou ontem no Brasil. Na verdade, o filme fala da história dos moradores daquela cidade fictícia e de como a queda dessa pedra colocou a vida deles de cabeça para baixo.

 

Veja também:

trailer Trailer do filme 'A Pedra Mágica'

 

O filme é cheio de efeitos especiais. E também é narrado como se alguém o assistisse com um controle remoto na mão (já que é feito de histórias curtinhas).

 

Mas o mais legal é o elenco. No centro da ação estão Toe, um garoto que apanha todo dia na escola, e Helvetica Black, uma menina que odeia todo mundo. O Estadinho conversou com os atores Jimmy Bennett e Jolie Varnier em Los Angeles (e a conversa toda virou uma grande brincadeira).

 

Se vocês pudessem fazer um pedido, qual seria?

Jimmy - Provavelmente, eu pediria o meu carro dos sonhos, que é um Challenger 1971. Meu pai trabalha reformando carros e motos. Foi daí que tirei o gosto por carros. E você? (Jimmy afina a voz para encher a paciência de Jolie e a imita) "Acho que eu queria umas sandálias!"

Jolie - Se eu tivesse que escolher um carro, seria um Porsche. Mas se pudesse ser qualquer coisa, escolheria férias que nunca tivessem que terminar ou que as férias de fim de ano pudessem ter mais do que três meses.

 

Jimmy, como foi que você começou a atuar?

Jimmy - Eu sempre quis ser ator, desde quando era bem pequeno. O primeiro ator que eu quis ser foi o Arnold Schwarzenegger (ri). Hoje em dia, acho que meus atores favoritos são o Christian Bale e o Leonardo di Caprio.

 

E como sua canção acabou no filme?

Jimmy - Eu estava brincando com a guitarra e acabei tocando esta música. Escrevi a letra e mandei um e-mail para o Robert, explicando que eu tinha feito uma música e que seria legal se ela estivesse no filme. Ele editou um pouco e foi assim que ela foi parar lá.

 

Você tem uma banda?

Jimmy - Não, eu só gosto de tocar. Quero tocar numa banda de rock’n’roll.

Jolie - Ele é bom mesmo!

 

Uma banda como o Led Zeppelin (Jimmy estava usando uma camiseta do grupo inglês que inventou o heavy metal)?

Jimmy - Eu bem que queria, mas acho que estou longe de tocar tanto quanto o Jimmy Page (ri).

 

E vocês jogam Guitar Hero ou Rock Band?

Jimmy - Eu prefiro tocar instrumentos de verdade (ri).

 

E na escola, que tipo de alunos vocês são?

Jimmy - Eu estudo em casa, sozinho. Por isso, não digo que sou o nerd ou o garoto cool, porque só tem eu.

Jolie - Tem a sua irmã, né?

Jimmy - Mas ela não é tão nerd...

Jolie - Eu vou para a escola mesmo. Para mim, foi estranho. Quando descobriram que eu estaria num filme, começaram a me tratar de outro jeito. Foi quando eu descobri quem eram meus amigos de verdade. Teve gente que foi me cumprimentar, achando legal eu estar num filme. Outras pessoas ficaram com inveja e começaram a me tratar mal.

 

Jolie, como foi ter de interpretar a menina má?

Jolie - Foi divertido (ri)! O pior é que você se acostuma.

Jimmy - Ela nem precisa se esforçar muito (os dois riem).

 

Quando vocês estavam gravando, houve algum momento em que tiveram de parar porque começaram a rir?

Jolie - O tempo todo...

Jimmy - Tinha uma cena em que a gente brigava pela pedra e, quando vi, minha braguilha estava aberta (ri).

 

Era assim o tempo todo?

Jolie - Nós sempre brincávamos no set...

Jimmy - Até que as coisas ficaram meio feias...

Jolie - É, ele tentou me afogar na piscina. Mas isso foi ontem. Durante as gravações, o que aconteceu foi que ele "acidentalmente" me bateu na cabeça com força, numa cena em que brigávamos pela pedra.

Jimmy - Para tudo, aconteceu uma catástrofe!

Jolie - Para!

Jimmy - Teve que chamar uma enfermeira...

Jolie - Estava sangrando!

Jimmy - Não estava...

Jolie - Estava sim!

 

O filme fala sobre tecnologia. Vocês gostam do assunto?

Jimmy - Sim, tenho um iPhone, um PlayStation 3, um iPod, um XBox 360, um DS, um PSP...

Jolie - Eu tenho um iPod Touch que ganhei no Natal, um PS3 e um Wii. Mas meu irmão tem um XBox 360.

Jimmy - Mas aposto que você só joga o jogo da Barbie.

Jolie - Eu jogo Singstar, porque gosto de cantar.

Jimmy - Não falei?

Jolie - Não é a mesma coisa...

 

E como foi atuar com efeitos especiais que não existiam quando vocês estavam gravando?

Jolie - O diretor sempre nos mostrava uns desenhos sobre o que veríamos no filme.

Jimmy - Na cena do monstro de meleca, ele desenhou o monstro no vidro. Assim, saberíamos para onde olhar.

 

O que vocês acham do Robert Rodriguez como diretor?

Jimmy - Ele é ótimo.

Jolie - Muito criativo.

Jimmy - É como se ele fosse uma criança grande. Ele brinca o tempo todo.

 

Durante as gravações, inclusive?

Jimmy - Sim, quando estávamos gravando e quando não estávamos.

Jolie - Foi muito divertido gravar A Pedra Mágica, porque tinha muitas crianças no estúdio... Ficamos todos no mesmo prédio de apartamentos.

 

E como foi trabalhar com os filhos do Robert?

Jimmy - Foi legal. A gente trabalhava, mas também ficava brincando ou de bobeira o tempo todo.

 

Eles interferem no filme do pai?

Jimmy - Muito, o tempo todo.

Jolie - Na verdade, o conceito do filme é deles.

 

Mas eles agem como se fossem o filho do dono do filme?

Jolie - Não, pelo contrário!

Jimmy - Eles são muito normais, não são estrelas, não. Eles não ficam dizendo: "Meu pai é o Robert Rodriguez!".

Jolie - Eles são muito legais. O aniversário de um dos filhos dele, o Racer, aconteceu na época da gravação do filme. Então, fizeram uma festa na piscina. Foi bem legal.

 

Vocês viram algum outro filme do Robert?

Jolie - Só os infantis, como Spy Kids e As Aventuras de Shark Boy & Lava Girl.

Jimmy - Eu vi Sin City.

Jolie - Eu não vi. Só tenho 11 anos, meus pais não deixam.

Jimmy - Eu estou querendo ver o próximo filme dele, Machete.

 

Quais são os próximos filmes que vocês vão fazer?

Jimmy - Vou fazer Field Trip, um filme sobre o pirata Barba Negra. Eu sou um garoto que mora no esgoto e que, para fugir de lá, se junta aos piratas.

Jolie - Eu vou fazer episódios para a internet da série The New Witchgirls Adventures. Querem que eu trabalhe no longa sobre a série. Eu faço uma personagem que é bem parecida com a Helvetica, da Pedra Mágica. A diferença é que ela pega no pé das pessoas usando mágica, porque é uma bruxa de outra galáxia, cujos pais morreram. Agora, ela tem que aprender a viver em Nova York, fingindo que é uma garota normal. Mas isso não dá muito certo, porque ela sempre quer fazer só o que gosta.

Tudo o que sabemos sobre:
EstadinhocinemaA Pedra Mágica

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.