EUA lançam DVD com censura programada

Você aluga um filme para assistir com sua família no fim de semana. Mas não precisa se preocupar se seus filhos estarão expostos a cenas de sexo ou violência. Como? Seu DVD se encarregará de pular as cenas "impróprias" automaticamente. A Thomson Inc, dona de marcas como a Technicolor e a RCA, está se preparando para colocar no mercado uma nova geração de aparelhos de DVD programada para tirar a pornografia, a violência e os palavrões das salas de TV americanas. Enquanto ligas tradicionais de defesa da família agradecem, a comunidade hollywoodiana prepara um processo para que tais aparelhos sejam banidos. Steven Spielberg, Steven Soderbergh e outros nomes do cinema argumentam que tal tecnologia violará os direitos autorais dos diretores, que esperam que seus trabalhos sejam vistos integralmente, sem censura.Os aparelhos, que serão vendidos por R$230,00, são equipados com tecnologia da ClearPlay, empresa sediada na cidade de Salt Lake City. Os aparelhos são pré-programados para cortar cenas com conteúdo ofensivo tirando o som ou pulando para a próxima cena. As máquinas chegam ao mercado programadas para editar cerca de 500 títulos. Colocando o DVD de algum desses filmes, os espectadores poderão escolher entre 14 níveis de filtragem. Escolha o nível máximo e quanto tempo sobraria de um filme de Arnold Schwarzenegger como o Exterminador do Futuro? Dois minutos? No site da ClearPlay (www.clearplay.com), há uma lista constantemente atualizada dos novos filtros para DVDs produzidos pela empresa. Na página inicial, uma chamada já diz tudo: "Ser um pai muito legal e responsável ficou bem mais fácil", claro, com a ajuda dos filtros ClearPlay. No topo da lista dos filtros mais populares, estão blockbusters como X-Men 2 e Matrix Reloaded. Nem mesmo comédias, como A Creche do Papai, estrelada por Eddie Murphy, escaparam de serem previamente filtradas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.