Estrelas de Hollywood criticam chefão da Miramax

Escândalo no mundo do cinema. O chefão da Miramax,Harvey Weinstein, é o alvo de uma detalhada reportagem de capa da revista New York desta semana, com a chamada de "Imperador Miramaximus". Nela, nomes como Martin Scorsese, James Ivory, Gwyneth Paltrow e SaulZaentz retratam o caráter tirânico e abusado de Weinstein. Segundo a revista, Scorsese ficou tãonervoso quando ele ordenou que a equipe de seu filme Gangs of New York parasse de trabalhar por conta de estouros noorçamento que jogou um telefone pela janela. Ivory, que comproude volta da Miramax os direitos do filme Golden Bowl, acusaWeinstein de ser um "grosso que grita para conseguir o quequer". O produtor Zaentz, responsável por O PacienteInglês, que rendeu o Oscar de melhor filme para o estúdio em1997, disse que ainda não viu a cor do dinheiro a que teriadireito. Paltrow é mais condescendente: "Alguns favores que eleme pediu não chegaram a ser uma forma de exploração, mas nãoeram tão bons para mim quanto eram para ele."Weinstein vai estrear na direção em breve, em um projeto sobre ogueto de Varsóvia, produzido por Scorsese e Steven Spielberg.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.