Jordan Strauss/Invision/AP
Jordan Strauss/Invision/AP

'Estado' fará cobertura ao vivo do Oscar 2015 neste domingo

Tempo real da entrega das estatuetas começa às 17h

O Estado de S. Paulo

20 de fevereiro de 2015 | 17h35

O Oscar deste ano está dividido em duas produções: Birdman e Boyhood. Enquanto o primeiro faz uma crítica a Hollywood, que abusa de seus astros e depois os joga no limbo, o segundo é um filme sensível que celebra a vida humana. O longa levou 12 anos para ser concluído. O Estado faz a cobertura completa da maior premiação do cinema neste domingo, 22, às 17h, pelo link http://estadao.com.br/aovivo/cobertura-do-oscar. O editor do Caderno 2, Ubiratan Brasil, comenta as escolhas da academia direto de Los Angeles. Os críticos Luiz Carlos Merten e Luiz Zanin fazem análises da premiação em tempo real. A Radio Estadão também faz a cobertura do evento a partir das 19h.

Na TV, a festa de entrega da 87ª edição do Oscar terá inicio as 23h e será exibida na íntegra pelo canal TNT, ou pelo E! - que começa com contagem regressiva e tapete vermelho às 19h. Pela Rede Globo, a maior premiação do cinema será exibida com cortes, após o término do Big Brother Brasil 15. No último ano, a emissora preferiu exibir o desfile das escolas de samba durante a sua cobertura do carnaval no Rio de Janeiro, ao invés da cerimônia de premiação.

O Grande Hotel Budapeste

e Birdman foram os filmes que mais receberam indicações, com nove cada um. O primeiro foi indicado principalmente às categorias técnicas, incluindo fotografia, figurino, edição, maquiagem e cabelo e desenho de produção, além de filme, direção (Wes Anderson), trilha sonora original e roteiro original.

Birdman foi lembrado nas categorias de melhor filme, direção (Alejandro G. Iñárritu), ator (Michael Keaton), ator coadjuvante (Edward Norton), atriz coadjuvante (Emma Stone), fotografia, edição de som, mixagem de som e roteiro original.

Boyhood - Da Infância à Juventude, grande vencedor do Globo de Ouro, que estava entre os favoritos para liderar a corrida ao Oscar, ficou com seis indicações, incluindo melhor filme, direção (Richard Linklater), ator coadjuvante (Ethan Hawke), atriz coadjuvante (Patricia Arquette), edição e roteiro original.

O Sal da Terra, filme que acompanha o fotógrafo brasileiro Sebastião Salgado, um dos grandes nomes da fotografia no mundo, está entre os indicados para o Oscar 2015 na categoria documentário.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.