Esquema Ang Lee é de cachê africano

Apesar de ter levado o prêmio de melhor diretor do Directors´Gild of America, o sindicato dos diretores de cinema e tevê de Hollywood, pelo filme O Tigre e o Dragão, o cineasta taiwanês Ang Lee não acredita em suas chances de faturar também o Oscar. "A estatueta sempre vai para algum grande diretor de Hollywood", diz Lee, resignado. Mas o cineasta não perde o bom humor. Ao ser inquirido sobre o segredo do sucesso de seu filme, ele conta: "Disse aos atores para que pensassem em uma produção de padrão hollywoodiano, orçamento chinês e eficiência de Hong Kong. E alguém gritou: `E salários africanos...´"

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.