Espanhóis Javier Bardem e Alberto Iglesias disputam Oscar

Bardem concorre ao prêmio de Melhor Ator Coadjuvante por seu papel em 'Onde os Fracos Não Têm Vez'

Reuters e AP

08 Janeiro 2022 | 13h10

O ator espanhol Javier Bardem está entre os cinco indicados para o Oscar de ator coadjuvante por seu papel no filme Onde os Fracos Não Têm Vez, dos irmãos Coen.   "É uma honra receber esta indicação. Ela é, sem dúvida, o reconhecimento do trabalho e do talento de todos aqueles criadores e profissionais do cinema que durante este anos me inspiraram e me fizeram melhorar", declarou o astro espanhol em um comunicado divulgado nesta terça-feira, 22, após a Academia anunciar os candidatos ao prêmio.   "E em especial, gostaria de agradecer ao irmãos Coen (Ethan y Joel), que souberam criar este personagem em uma dimensão que vai além da minha interpretação. Meu agradecimento aos membros da Academia por este maravilhoso presente", disse Bardem. Em Onde os Fracos Não Têm Vez, Bardem faz o papel de um misterioso assassino e já recebeu o prestigiado Globo de Ouro na semana passada por seu papel de vilão. O filme e o ator também receberam o Critic Choice, outro prêmio importante dos Estados Unidos. O ator espanhol irá disputar a estatueta com Casey Affleck (O Assassinato de Jesse James Pelo Covarde Robert Ford), Philip Seymour (Jogos do Poder), Hal Holbrook (Na Natureza Selvagem) e Tom Wilkinson (Conduta de Risco). Em 2001, Bardem foi indicado ao Oscar de melhor ator, mas perdeu para Russell Crowe, de Gladiador. Outro espanhol, o basco Alberto Iglesias, premiado por trilhas de filmes de Julio Medem e Pedro Almodóvar, disputa o Oscar de melhor trilha pelo longa O Caçador de Pipas. Iglesias foi indicado em 2005 pela música do filme O Jardineiro Fiel, de Fernando Meirelles.   Ganhador de prêmios como Goya e prêmio de melhor trilha sonora no Festival de Cinema de Cannes, disputará o Oscar com Dario Marianelli, por Desejo e Reparação, James Newton Howard, por Conduta de Risco, Michael Giacchino, por Ratatouille e Marco Beltrami, por 3:10 to Yuma. Onde os Fracos Não Têm Vez recebeu oito indicações ao Oscar, mesmo número de Sangue Negro. Os dois concorrem à estatueta de melhor filme, ao lado de Desejo e Reparação, Conduta de Risco e Juno. Os prêmios serão entregues pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas dos Estados Unidos em 24 de fevereiro, em Hollywood.

Mais conteúdo sobre:
Javier Bardem Alberto Iglesias Oscar

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.