Blumhouse Productions
Blumhouse Productions

Espaços culturais preparam programação especial para esta sexta-feira 13

IMS, Belas Artes, Mis e Cinesesc exibem filmes de terror; 'Corra!' e 'O Bebê de Rosemary' estão entre os destaques

Redação, O Estado de S.Paulo

12 de setembro de 2019 | 07h00

A sexta-feira 13 traz uma programação especial para os fãs de cinema. Em São Paulo, Mis, Petra Belas Artes e Cinesesc farão exibições especiais de filmes de terror. Confira as programações:

Sexta-feira 13 no Mis – Terror contemporâneo

Em parceria com a Sony Pictures, o Museu da Imagem e do Som (Mis) traz uma seleção especial de longas de terror e suspense contemporâneos. A entrada é gratuita e a maratona começa às 23h.

A programação começa com Nervo, curta desenvolvido pelo Núcleo Experimental de Cinema do MIS. Depois, o público poderá conferir os títulos Corra! (2017) e Nós (2019), do diretor Jordan Peele. Por último, Mãe (2017), de Darren Aronofsky, encerra o ciclo.

 
Sexta-feira 13 no Mis – Terror contemporâneo. Mis - Museu da Imagem e do Som. Av. Europa, 158 - Jardim Europa. A partir das 23h. Gratuito. 

Noitão – Sexta da Seita

O Petra Belas Artes promove a pré-estreia de O Mal Não Espera a Noite - Midsommar, de Ari Aster (Hereditário). A maratona começa às 23h30 e reúne filmes com histórias relacionadas a seitas e rituais macabros. Os outros dois títulos selecionados são os clássicos O Bebê de Rosemary (1968) e Coração Satânico (1987). 

Noitão – Sexta da Seita. Cine Petra Belas Artes. Rua da Consolação, 2423. A partir das 23h30. De R$ 19 (meia) a R$ 38, com entrada para os três filmes. 

Cinema em Pânico

O CineSesc comemora a sexta-feira 13 com uma maratona da franquia Pânico. A trilogia de Wes Craven, inaugurada em 1996, será exibida a partir das 23h30. A entrada para o primeiro filme é gratuita.

Cinema em Pânico. CineSesc - R. Augusta, 2075. A partir das 19h. Gratuito (Pânico), de R$ 3,50 a R$ 12 (Pânico 2 e Pânico 3). 

Tudo o que sabemos sobre:
cinema

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.