Wilton Junior/AE - Arquivo
Wilton Junior/AE - Arquivo

Equipe de 'Lixo Extraordinário' vive expectativa em LA

Festa será intensa se filme faturar a estatueta de melhor documentário

Ubiratan Brasil, O Estado de S. Paulo

27 de fevereiro de 2011 | 13h56

Já é tradicional: terminada a cerimônia da entrega do Oscar, as celebridades se distribuem pelas diversas festas que acontecem em Los Angeles pela noite adentro. E uma celebração interessa em especial os brasileiros: se Lixo Extraordinário faturar a estatueta de melhor documentário, membros da equipe vão brindar no nightclub Paul & Andre, que fica perto do Kodak Theatre.

Será o coroamento de um dia glorioso, iniciado pelo tradicional passeio pelo tapete vermelho, acesso ao Kodak por onde passam as celebridades. "Será muito especial e meu único desejo é conhecer de perto a Angelina Jolie", comentava Tião dos Santos, reciclador que se tornou o principal personagem de Lixo Extraordinário, antes da cerimônia. "Gostaria ao menos de vê-la de perto. Minha mulher já está avisada e não vai sentir ciúmes", brincou.

Veja também:

linkRivais no Oscar

linkQuem vai levar a estatueta? Vote!

Durante a permanência em Los Angeles, que começou na quinta-feira, Tião e a equipe brasileira (que inclui o codiretor João Jardim e a produtora executiva Jackie De Botton) foram recebidos por um grupo de milionários interessados em documentários (que ficaram particularmente curiosos sobre o trabalho do reciclador), participaram de um coquetel no consulado brasileiro e ainda estiveram em uma festa organizada pela HBO.

Para a festa preparada para depois da cerimônia do Oscar, está confirmada a presença de Mobi, responsável pela trilha sonora do documentário.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.