Em cena: Bruce Willis adulto e criança

John Turteltaub dirigiu Fenômeno, com John Travolta, e Instinto, com Anthony Hopkins. Assina agora Duas Vidas, que estréia nessa sexta-feira nos cinemas brasileiros. O novo filme de Bruce Willis coloca o astro de Duro de Matar às voltas com uma criança. Depois do garoto de O Sexto Sentido, interpretado por Haley Joel Osment, outro garoto, criado por Spencer Breslin. A diferença é que o menino de Duas Vidas é o próprio Willis antes de virar adulto.Chama-se The Kid, no original. Ou melhor, chamava-se. Como esse título pertence a um filme antigo de Charles Chaplin (O Garoto, no Brasil), a empresa produtora e distribuidora houve por bem acrescentar o nome Disney ao título original. Ficou Disney´s The Kid, o que não agrada ao diretor, pois ele, conforme declarou a Marcelo Bernardes, do jornal O Estado de S. Paulo, não quer que seu trabalho seja visto como apenas mais uma comédia dos estúdios de Walt Disney.Está convencido de que fez um filme muito pessoal - sobre o momento de questionamento de todo quarentão que se olha no espelho e pergunta "Onde foi que errei para me tornar um perdedor assim?" Como protagonista, Willis faz um consultor de imagem, um desses profissionais que ajudam artistas, políticos e empresários a melhorarem a popularidade (ou livrarem a cara de alguma grande encrenca). O homem é uma peste - inferniza a vida da secretária, da namorada, do pai. Às vésperas de completar 40 anos, Willis surpreende-se com a entrada de um garoto em sua vida. Surpresa maior Willis tem ao descobrir que se trata dele mesmo quando garoto. O que esse garoto veio fazer é óbvio - ajudar o herói a aprimorar-se como pessoa, a descobrir o amor, etc.Não é uma trama sobrenatural, como a de O Sexto Sentido. Mas também foge do freudianismo que poderia estar implícito no confronto do personagem com sua infância. O problema de Duas Vidas não é que seja ruim. É mostrar que Hollywood tende a banalizar (e sentimentalizar) toda indagação existencial.Duas Vidas (The Kid) Comédia. Dir. Jon Turteltaub. Bruce Willis, Emily Mortimer, Spencer Breslin, Lily Tomlin, Jean Smart. Livre.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.