Eastwood reúne duas paixões em novo projeto: jazz e cinema

Clint Eastwood está combinando duas de suas paixões - o jazz e o cinema -, assumindo um papel de destaque na produção de um documentário sobre o compositor e pianista de jazz americano Dave Brubeck que tem o título provisório de Dave Brubeck - In His Own Sweet Way. Eastwood também vai presidir um novo conselho honorário criado para preservar e levar adiante o legado de Brubeck, de 86 anos, informou o Instituto Brubeck, na Universidade do Pacífico, em Stockton, Califórnia. Outros membros do conselho vão incluir o trompetista e compositor Wynton Marsalis, o cineasta George Lucas, o cantor Al Jarreau, o produtor de discos Quincy Jones e o violoncelista Yo-Yo Ma. "Dave Brubeck é uma lenda americana", disse Eastwood, ele próprio pianista e compositor de jazz, em comunicado divulgado pela Universidade do Pacífico. "É um americano original que continua a fazer contribuições importantes para a música, que apresentou o mundo do jazz a toda uma nova geração e que continua a explorar a linguagem internacional da música." O documentário, a ser dirigido e produzido por Bruce Ricker, vai acompanhar a carreira de Brubeck até seu trabalho mais recente, a ópera de jazz Cannery Row Suite, que fez sua estréia no Festival de Jazz de Monterey em 2006. Carreira de Eastwood Eastwood e Ricker, cujos trabalhos anteriores no cinema incluem A Vida e a Música de Thelonious Monk e The Last of the Blue Devils, também estão produzindo um documentário sobre Tony Bennett intitulado The Music Never Ends. Em 1988 Clint Eastwood dirigiu Bird, sobre a vida problemática e a carreira do jazzista Charlie Parker, e recentemente ele compôs a música de seus filmes Sobre Meninos e Lobos e A Conquista da Honra. Eastwood é presidente honorário do Instituto Brubeck desde sua criação, em 2000, e membro do conselho de diretores do Festival de Jazz de Monterey. O Instituto Brubeck foi criado após a doação de uma coleção ampla de materiais de Brubeck à biblioteca da Universidade do Pacífico, para finalidades de pesquisas e arquivo. Hoje o instituto oferece vários programas de ensino do jazz.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.