Documentário de Evaldo Mocarzel é premiado em Belém

A atriz Dira Paes e o produtor Emanoel Freitas anunciaram no sábado os premiados pelo júri popular do 3.º Festival de Belém do Cinema Brasileiro. Nas categorias longa animação, o gaúcho Wood & Stock: Sexo, Orégano e Rock?n?roll, de Otto Guerra, e o longa-metragem documentário paulista À Margem do Concreto, de Evaldo Mocarzel, receberam o Prêmio Ver-o-Peso do Cinema Brasileiro. Mais informações no site do festival. O prêmio tem patrocínio da Petrobrás.Cerca de 5 mil espectadores assistiram às mostras competitivas realizadas no Cinema Olympia em Belém, nos dias 31 de janeiro, 1.º e 2 de fevereiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.