Divisão de "Kill Bill" pode ser problema no Oscar

O cineasta Quentin Tarantino disse que tem apenas um arrependimento por ter dividido a saga de vingança Kill Bill em dois filmes: isso pode ter diminuído as chances dos filmes no Oscar, especialmente para a protagonista, a atriz Uma Thurman. "Eu acho que poderíamos conseguir mais indicações se o filme fosse apenas um grande e longo épico", disse Tarantino à Associated Press. ?Como um filme grande, Uma poderia conseguir uma indicação para melhor atriz, com certeza. Mesmo assim, ainda tenho esperanças de ir bem no Oscar com Kill Bill ? Volume 2. O primeiro foi deixado de fora da premiação deste ano.?Deixando os prêmios de lado, separar Kill Bill em dois filmes funcionou muito bem, do ponto de vista financeiro e artístico, disse Tarantino. A distribuidora Miramax se preparou para um dose em dobro dos lançamentos no cinema, em vídeo e na televisão para os filmes que, juntos, custaram US$ 65 milhões e arrecadaram US$ 136 milhões nas bilheterias dos Estados Unidos. Com apenas um filme, o público teria de assistir a um filme de quatro horas ou então Tarantino teria que cortar bastante material, ele disse. A seqüência de anime do Volume 1 seria cortada pela metade, por exemplo, e outros ótimos momentos teriam de ser encurtados, entre eles as cenas em que Uma treina com um mestre das artes marciais nada piedoso, disse o diretor. ?Se eu achasse que o filme ficaria melhor se fosse mais curto, eu não o teria feito dessa forma?. As duas partes de Kill Bill foram os primeiros filmes de Tarantino desde Jackie Brown, de 1997. A história do filme surgiu durante a produção de Pulp Fiction, de 1994, em que Uma Thurman atuou como Mia e Tarantino teve a idéia de criar a Noiva, uma ex-assassina que resolve se vingar de seus antigos companheiros, depois que eles matam seu noivo no dia de seu casamento. A saga é co-estrelada por David Carradine, como Bill, Lucy Liu, Daryl Hannah e Vivica A. Fox, como as colegas da Noiva, papel de Uma Thurman. Tarantino pensa em fazer a última parte de Kill Bill em 15 anos, quando a filha da Noiva terá cerca de vinte anos. Para já, ele planeja filmar Inglorious Bastards, um conto sobre a Segunda Guerra Mundial. Antes disso, ele quer fazer um filme menor.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.