Disputa por Oscar de melhor animação tem sotaque estrangeiro

Os organizadores do Oscar celebraram na noite de quinta-feira os indicados deste ano para o prêmio de melhor filme de animação. Entre eles, há dois longas não falados em inglês que usam a técnica tradicional de desenho a mão, em uma época em que as imagens de computador dominam essa forma de arte.

JORDAN REIFE, REUTERS

24 Fevereiro 2012 | 15h57

Esse é o décimo ano em que a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas dá um Oscar aos filmes de animação e é a primeira vez que dois filmes de língua estrangeira estão entre os indicados: o francês "A Cat in Paris" e o espanhol "Chico & Rita".

"A Cat in Paris" é um drama policial francês dirigido por Jean-Loup Felicioli e Alain Gangol, e o romance espanhol "Chico & Rita" é de Javier Mariscal e Fernando Trueba.

"Estamos muito surpresos, porque normalmente animação é um mercado americano", disse Mariscal à Reuters. "É muito estranho que Hollywood tenha assistido ao nosso filme e gostado o bastante dele para indicá-lo."

Os realizadores dos dois filmes se encontraram com a também diretora indicada ao prêmio Jennifer Suh Nelson, de "Kung Fu Panda 2". O diretor Chris Miller, de "Gato de Botas", não compareceu ao evento e o criador de "Rango", Gore Verbinski, enviou uma mensagem gravada agradecendo à academia.

O ator Patton Oswalt, conhecido do público dos filmes de animação como a voz de Remy, do filme laureado pelo Oscar em 2007 "Ratatouille", foi o anfitrião do evento.

Foram exibidos clipes dos filmes e Oswalt e membros da plateia fizeram questões centradas principalmente nas histórias e na técnica, em especial sobre a diferença dos filmes feitos à mão, a animação 2D e os gerados por computador.

Mariscal confessou que em geral usa a tecnologia digital, mas para "Chico & Rita" ele e Trueba acharam que o 2D combinava mais com a história do casal de músicos que viaja por clubes de jazz de Havana, Nova York e Las Vegas.

A ausência notável entre os indicados deste ano foi a Pixar Animation, o estúdio que vem dominando a área com filmes animados por computador, como "Up", assim como "As Aventuras de Tintim", de Steven Spielberg, também criado com o uso de imagens digitais.

Mais conteúdo sobre:
FILME OSCAR ANIMACAO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.