Disputa por Oscar de filme estrangeiro terá 91 países

A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, encarregada da entrega anual dos prêmios Oscar, convidou nesta terça-feira 91 países para concorrer ao prêmio na categoria de melhor filme em língua não-inglesa.Para poder fazer parte da 78ª edição da premiação da Academia, os filmes tem que ser falados principalmente no idioma do país que representam.Além disso o filme deve ter sido exibido em salas de cinema durante sete dias consecutivos entre 1º de outubro de 2004 e 30 de setembro de 2005.Apenas um filme por país será aceito. Ele deve ser selecionado por organizações semelhantes à Academia, mas no país de origem, ou por instituições governamentais.Cinqüenta países concorreram ao prêmio da categoria de melhor filme em língua estrangeira na última edição do Oscar. O espanhol Mar Adentro, de Alejandro Amenábar, nascido no Chile, foi o vencedor.Desde que esta categoria foi criada em 1956, 99 países diferentes participaram das diferentes edições. O Casaquistão é a única novidade na lista de convidados para a 78ª edição, embora ainda não se saiba se estreará no Oscar com alguma produção própria.A cerimônia de entrega do Oscar deve acontecer em 5 de março de 2006 no Kodak Theater de Los Angeles.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.