Mauricio Santana
Mauricio Santana

Diretor revela planos de gravar sequência de novo 'X-Men' no Brasil

Estrelado pelos brasileiros Alice Braga e Henry Zaga, 'Os Novos Mutantes' foi apresentado na Comic Con Experience, em São Paulo

Pedro Rocha, ESPECIAL PARA O ESTADO

08 Dezembro 2017 | 18h59

Além de Fernanda Montenegro, grande homenageada da Comic Con Experience, em São Paulo, o evento teve nesta sexta-feira, 8, outra brasileira sob os holofotes, Alice Braga, uma das estrelas de Os Novos Mutantes, novo filme da franquia X-Men. Ao lado do diretor, Josh Boone, do produtor, Knate Lee, e de outro brasileiro, o ator Henry Zaga, que vive no filme o herói carioca Mancha Solar, ela apresentou ao público o primeiro trailer do longa, que promete uma mudança de tom nas produções sobre o grupo de mutantes.

“É um novo gênero do X-Men, porque tem um lado de terror”, explicou Alice, mais cedo, ao Estado. “Parece um filme independente, e não de super-herói, numa grande franquia.”

Em Os Novos Mutantes, Alice vive a médica Cecilia Reyes, responsável por guiar e por cuidar de um grupo de jovens que, de repente, se descobrem mutantes. “Estou ali para ajudá-los a se descobrir”, diz a brasileira, que confirma que a personagem é uma espécie de “Professor Xavier” nesse novo filme.

O longa só chega aos cinemas em abril, e é por isso que a atriz faz mistério sobre a personagem, que não é brasileira - nem tem sua nacionalidade revelada no filme. Tanto Alice quanto o diretor se negam a confirmar se ela, nas telonas, também será mutante, como nas HQs. 

“Alice é uma lenda. Temos uma grande admiração por sua carreira”, elogia Josh Boone. O diretor, que despontou com A Culpa é das Estrelas (2014), afirma que, de fato, a produção pode ser considerada do gênero terror. “Nos baseamos na obra de Chris Claremont, que é mais sombria que os outros quadrinhos de X-Men.”

++ Fernanda Montenegro é homenageada na Comic Con Experience

O diretor, com o produtor Knate Lee, já pensa num próximo filme com os personagens. “Estamos considerando ambientar no Brasil”, diz, revelando o desejo de mostrar mais sobre a origem do personagem Roberto da Costa, o Mancha Solar.

Boone não parece preocupado com a recente especulação de que a Disney pode comprar a Fox - o que faria a companhia ter os direitos tanto sobre o universo cinematográfico da Marvel quanto dos personagens de X-Men. Fãs torcem para que os dois se juntem, como é nos quadrinhos. "Não estamos preocupados. Nosso filme vai estar pronto e lançado quando tudo isso se tornar oficial, não vai ter impacto agora, apenas no que vamos fazer no futuro." 

O primeiro herói brasileiro

Pela primeira vez, entre os filmes de super-heróis que lotam os cinemas, o público vai poder ver na tela um brasileiro. Roberto da Costa, o Mancha Solar (Sunspot) é um dos personagens centrais de Os Novos Mutantes

Seu intérprete, Henry Zaga, já é bem conhecido pelo público jovem, por conta da série 13 Reasons Why, da Netflix. “É um orgulho fazer um herói brasileiro, sendo brasileiro”, diz o ator, de 24 anos, que é filho do ministro Admar Gonzaga, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). “Espero fazer justiça ao personagem.”

Zaga lembra que o Mancha Solar é um dos favoritos dos fãs de X-Men. “O filme é bem fiel aos quadrinhos. Isso é uma necessidade dos fãs”, adianta. “Ele é carioca, tem um passado de jogador de futebol, e começa a história com traumas da primeira vez em que se viu como mutante.”

Feliz com a oportunidade de viver um mutante, o ator reflete sobre a importância desses personagens para os fãs de quadrinhos. “Eles são excluídos pela sociedade, não se encaixam no padrão. São adolescentes que passam por frustrações e transformações.”

Confira, abaixo, a entrevista completa com Alice Braga e Henry Zaga, de Os Novos Mutantes:

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.