Diretor estreante vence 51º Lola

O estreante Christian Petzold desbancou o favorito Tom Tykwer, cineasta de Corra Lola Corra, e ficou com prêmio de melhor filme do Lola 2001, principal cerimônia do cinema alemão, cuja 51ª edição foi realizada hoje em Berlim. Com carreira construída na televisão, Petzold concorreu com Die Innere Sicherheit (A Segurança Interna). Tykwer e seu Der Krieger und die Kaiserin (O Guerreiro e a Princesa), que vem agradando ao público alemão, ficou com o Lola de prata. Entre os estrangeiros, venceu Amor à Flor da Pele, de Wong Kar-wai, de Hong Kong.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.