Diretor alemão Alfred Weidenmann morre aos 84

A família do cineasta alemão Alfred Weidenmann comunicou neste domingo seu falecimento, aos 84 anos. Diretor de Canaris (1954), obra inspirada na vida do chefe do serviço secreto nazista Wilhelm Canaris, assassinado por ordem de Adolf Hitler, Weidenmann sofria de problemas cardíacos. Depois de produzir uma longa filmografia, que inclui Junge Adler (1944) e Kitty (1956), Weidenmann vinha se dedicando exclusivamente a séries policiais para a televisão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.