Teresa Isasi/Divulgação
Teresa Isasi/Divulgação

Dicas para enfrentar a maratona da Mostra de SP

Ao todo são 467 filmes, que serão exibidos em 30 salas de cinema, durante 14 dias

Rafael Barion e Ilana Lichtenstein (colaborou Aline Stivaletti e Luiza Pereira), O Estado de S. Paulo

22 de outubro de 2010 | 06h00

Você tem 9 dias para escolher o novo presidente da República. E 14 para decidir quais filmes da 34ª Mostra Internacional de Cinema vai ver. Esta eleição, que começa nesta sexta, 22, e segue até 4/11 é mais divertida e menos importante do que o pleito do dia 31. Mas note a dificuldade: na Mostra, você terá de escolher entre 467 candidatos, o número de filmes desta edição. Além das sessões espalhadas por 30 espaços da cidade, há ainda outros ‘compromissos cívicos’ que você não deveria perder.

Veja também:

linkEntrevista com Manoel de Oliveira

linkWenders traz mostra de fotos ao Masp

linkNa lista, estrangeiros que querem o Oscar

linkMuitos vão entrar em cartaz, espere por eles

videoTrailer de "Tio Boonmee..."

videoTrailer de "Cópia Fiel"

videoTrailer de "O Estranho Caso de Angélica"

videoTrailer de "Mistérios de Lisboa"

 

Homenageados do evento (e autores do seu cartaz dupla-face), o alemão Wim Wenders e o japonês Akira Kurosawa ganharam, respectivamente, uma mostra de fotos e uma exposição de storyboards - além de exibições especiais de seus filmes. E, no domingo, uma cópia restaurada do clássico ‘Metropolis’, de Fritz Lang, terá sessão no gramado do Auditório do Ibirapuera, com som da Orquestra Jazz Sinfônica. Destacamos o melhor desta programação, para facilitar as suas decisões. Escolha conscientemente, mas com calma: qualquer candidato, neste caso, tem (algum) valor.

 

Confira cinco possibilidades muito populares:

 

Machete

Jessica Alba, Lindsay Lohan e Robert De Niro estão nesta comédia de Robert Rodriguez, sobre um mexi- cano que caça texanos a faça.

 

 

Um Lugar Qualquer

Um ator de Hollywood é ‘encontrado’ pela filha de 11 anos no novo trabalho de Sofia Coppola, vencedor do Leão de Ouro no Festival de Veneza, no mês passado.

 

Uma Carta para Elia

Martin Scorsese conta a história do lendário (e polêmico) Elia Kazan, diretor de clássicos como ‘Sindicato dos Ladrões’ e ‘Vidas Amargas’.

 

Você Vai Conhecer o Homem dos seus Sonhos

Há casais desencontrados, gente ansiosa e vários flertes no novo filme de Woody Allen. E figuras que você já conhece, como Antonio Banderas, Anthony Hopkins e Naomi Watts.

 

O Garoto de Liverpool

Batizada originalmente ‘Nowhere Boy’, a cinebiografia de John Lennon (coautor da canção ‘Nowhere Man’). foi dirigida pela inglesa Sam Taylor-Wood.

 

 

As figurinhas carimbadas entre os diretores:

 

Abbas Kiarostami

Já teve dez filmes (e uma retrospectiva) na Mostra Cópia Fiel - Melhor atriz em Cannes, Juliette Binoche vive um romance na Itália

 

 

 

Manoel de Oliveira

Tem 101 anos e começou a carreira em 1931. O Estranho Caso de Angélica - A imagem de uma garota (morta!) fascina um fotógrafo

 

Jean-Luc Godard

Segue fazendo obras polêmicas (desde 1960). Film Socialism - Em três movimentos, tem viagens, discussões e lugares míticos

 

Eduardo Coutinho

Participa de debate após a exibição misteriosa do seu documentário Um Dia na Vida - Só vai haver uma, primeira e única, sessão desta obra ‘surpresa’ (dia 28, no Cine Livraria Cultura)

 

Amos Gitai

Está pela 17ª vez no evento, que já o homenageou. Rosas a Crédito - A vida de recém-casados na França, logo após a Segunda Guerra

 

Veja ainda: Takeshi Kitano (‘O Ultraje’), Zhang Yimou (‘Uma Mulher, uma Arma e uma Loja de Macarrão’) e Arnaldo Jabor (‘A Suprema Felicidade’) também são ‘clássicos’ que trazem filmes novos a esta edição.

 

 

Veja os filmes premiados:

 

No Festival de Cannes:

 

Poesia

Lee Chang-Dong escreveu e dirigiu o longa - e por ele levou para casa, na Coreia do Sul, o prêmio de roteiro.

 

 

Tio Boonmee, que Pode Recordar suas Vidas Passadas

Apichatpong Weerasethakul (Tailândia) levou a Palma de Ouro por um filme mágico e estranho, com espíritos da floresta.

 

Um Homem que Grita

O Prêmio do Júri do festival ficou com este drama dirigido por Mahamat-Saleh Haroun, da República do Chade.

 

Homens e Deuses

Monges na Argélia povoam o filme, baseado em uma história real e contemplado com o Grande Prêmio do Júri. Do francês Xavier Beauvois.

 

No Festival de Berlim:

 

Se eu Quiser Assobiar, eu Assobio

Vem da Romênia o longa de Florin Serban, contemplado com o Grande Prêmio do Júri, sobre um garoto prestes a sair da prisão.

 

No Festival do Rio:

 

VIPS

O filme de Toniko Melo ganhou o prêmio principal e outros três. Wagner Moura, que vive o estelionatário da história, levou um deles.

 

E mais...

Wim Wenders, que fala com o público amanhã (23), às 22h30, na Cinemateca, é uma das estrelas do evento. Além de ter ‘Paris, Texas’, ‘Asas do Desejo’, ‘O Filme de Nick’ e ‘Até o Fim do Mundo’ exibidos, apresenta a mostra Lugares Estranhos e Quietos - 23 fotos de um universo solitário como o de seu cinema. Masp. Av. Paulista, 1.578, 3251-5644. 11h/18h (fecha 2ª). R$ 15. Até 9/1.

 

Kurosawa, livro e mostra no Instituto Tomie Ohtake - Além de ‘Rashomon’, há uma exposição com 80 storyboards que Akira Kurosawa desenhou minuciosamente para seus filmes. Instituto Tomie Ohtake. R. Coropés, 88, Pinheiros, 2245-1900. 11h/20h (fecha 2ª). Grátis. Até 28/11.

 

 

Retrospectivas - O artista francês F. J. Ossang (‘Doctor Chance’) lança ‘Dharma Guns’ e ganha retrospectiva. De Serge Avedikian, uma série de curtas inclui ‘História Cadela’, vencedor da Palma de Ouro em Cannes. Também há mostra do norueguês Bent Hamer (‘Histórias de Cozinha’) e clássicos de John Ford (‘Rastros de Ódio’).

 

Mostra na Bienal - A 29ª Bienal de São Paulo também vira espaço de cinema - mais especificamente, no terreiro ‘A Pele do Invisível’, onde são projetados filmes de Jia Zhang-Ke, por exemplo. Pavilhão da Bienal. Pq. do Ibirapuera. Av. Pedro Álvares Cabral, s/nº, portão 3, 5576-7600. Grátis.

 

No pedal ou na web - Este ano, a Mostra é boa para quem quer se mexer, já que bicicletários foram instalados ao lado de 15 cinemas. Mas contempla os preguiçosos: uma parceria permite ver filmes online, pelo site www.mubi.com.

 

Outras opções - Em caso de indecisão (ou se houver concorrência demais para ver outros filmes), tente uma destas opções. Vênus Negra, de Abdellatif Kechiche (‘O Segredo do Grão’), causou escândalo em Veneza Air Doll, uma boneca inflável que ganha vida, é a nova invenção Hirokazu Kore-Eda (‘Ninguém Pode Saber’). Além de ter seus filmes exibidos na Bienal, Jia Zhang-Ke mostra Memórias de Xangai. Em Potiche (François Ozon), Catherine Deneuve é da família do dono de uma fábrica de guarda-chuvas. Micmacs - Um Plano Complicado é o novo filme de Jean-Pierre Jeunet, de ‘O Fabuloso Destino de Amélie Poulain. Submarino, de Thomas Vinterberg (‘Festa de Família’), fala do reencontro de dois irmão. Cirkus Columbia (Danis Tanovic) trata de um casamento e da história dos Bálcãs. Mães, de Milcho Manchevski (‘Antes da Chuva’), começa como ficção e vira documentário.

Tudo o que sabemos sobre:
4ª Mostra Internacional de Cinema

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.