Depardieu faz leitura pública de "Confissões"

O ator francês Gérard Depardieu lerá as Confissões, de Santo Agostinho em praças e igrejas de meio mundo, conforme prometeu ao Papa João Paulo II, quando se encontrou com ele há dois anos. "O Papa me achou parecido com o doutor da Igreja Católica", declarou Depardieu, que está em Roma para o lançamento de sua minissérie Napoleão, na televisão italiana. "Não é um espetáculo, mas algo que farei somente para os fiéis", acrescentou o ator, que quer percorrer igrejas, sinagogas e praças de meio mundo usando somente quatro velas. Na verdade, Depardieu gostaria de fazer um filme sobre a vida de Santo Agostinho, mas até que o projeto saia ele pretende iniciar a leitura das Confissões no dia 23 de novembro, em Tagaste, a cidade onde nasceu o santo em 13 de novembro de 354 e prosseguirá pelas cidades por onde ele passou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.