Netflix
Netflix

'Democracia em Vertigem' perde o Oscar; confira documentário premiado

Documentário brasileiro da cineasta Petra Costa concorreu à estatueta e dividiu o país

Redação, O Estado de S.Paulo

09 de fevereiro de 2020 | 23h11

O filme brasileiro Democracia em Vertigem, dirigido por Petra Costa, concorreu ao Oscar 2020 na categoria de melhor documentário, mas a produção que levou a estatueta foi Indústria Americana.

O filme de Steven Bognar, Julia Reichert e Jeff Reichert foi produzido pelo casal Michele e Barack Obama.

O tema também importa muito aos americanos: o choque de cultura quando uma fábrica chinesa de vidro automotivo é instalada em um pequena cidade de Ohio, em 2010. Se os americanos festejam novos postos de trabalho e pagamento justo, os chineses reclamam que seus novos colegas são “lentos e falam demais”.

 

Democracia em Vertigem narra os últimos anos do cenário político brasileiro pelo ponto de vista particular da cineasta Petra Costa. 

A diretora é neta de um dos sócios da empreiteira Andrade Gutierrez e filha de um casal que fez oposição à ditadura militar brasileira. Partindo de sua ótica, a cineasta narra o desenrolar do cenário político nacional desde a eleição de Lula, em 2002, passando pelas manifestações de 2013, o impeachment de Dilma Rousseff, em 2016, e a eleição de Jair Bolsonaro, em 2018.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.