Decisão judicial pode impedir lançamento de 'Watchmen'

Filme de super-heróis é baseado na graphic novel criada nos anos 80 pelo roteirista Alan Morre

AP,

08 de dezembro de 2025 | 18h43

Um juiz federal dos Estados Unidos decidiu que a 20th Century Fox detém parte dos direitos sobre o filme Watchmen, o que ameaça o lançamento da aventura de super-heróis, previsto para março nos Estados Unidos.   O juiz distrital Gary Feess publicou a decisão em uma ordem emitida na quarta-feira, 24, disseram a revista Variety e o jornal The New York Times.   Baseado na graphic novel escrita pelo roteirista Alan Moore nos anos 80, o filme foi produzido pela Warner Bros. e Legendary Pictures. A Fox foi à Justiça para impedir o lançamento, e o juiz determinou que a Fox tem, pelo menos, os direitos de distribuição do filme. A Fox alega que nunca abriu mão completamente do direito de filmar a história, que havia obtido na década de 80. O porta-voz da Warner, Scott Rowe, preferiu não comentar a sentença.  

Tudo o que sabemos sobre:
watchmenalan moorefoxwarner

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.