Curtas sobre 11 de setembro causam polêmica

Uma seleção de curtas para lembrar o aniversário dos atentadosterroristas de 11 de setembro vem causando polêmica nos Estados Unidos. Isto porque algunsde seus 11 segmentos seriam "anti-americanos". 11´09"01September 11 reúne trabalhos de 11 minutos de 11 diretores dediferentes países.O filmete do egípcio Youssef Chahine trata,por exemplo, das "várias civilizações destruídas pelos EstadosUnidos" e as "milhões de vítimas da política americana emlugares como o Vietnã e a Somália". O curta-metragem dairaniana Samira Makhmalbaf começa com esta declaração de umgrupo de crianças: "Os Estados Unidos querem bombardear-nos,então é preciso construir abrigos."O britânico Ken Loach, porsua vez, tratou de outra tragédia de 11 de setembro: o golpemilitar no Chile, em 1973, e a morte do presidente eleitoSalvador Allende, além do apoio americano ao ditador AugustoPinochet.O filme estréia no dia 11 na França e vai serexibido em vários festivais de cinema, como o de Toronto e o deVeneza. Foi produzido pelo Studio Canal, da França. Outrosdiretores que participaram do projeto são a indiana Mira Nair, ofrancês Claude Lelouch, o ator americano Sean Penn, o israelenseAmos Gitai, o japonês Shohei Imamura e o bósnio Danis Tanovic.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.