Curtas nacionais ganham a internet

O curta-metragem brasileiro ganha hoje um site (com imagens e banco de dados). Quem acessar o endereço portacurtas.com.br verá a íntegra de 25 filmes, entre eles, Ilha das Flores, de Jorge Furtado. Nos próximos meses, mais 75 títulos serão acrescentados ao acervo. A meta é colocar mil curtas na rede.Para marcar o lançamento, que tem patrocínio da Petrobrás, o Festival Internacional de Curtas de São Paulo exibe hoje, no MIS (Av. Europa, 158), às 20 horas, os filmes Meow, de Marcos Magalhães; O Dia em Que Dorival Encarou a Guarda, de Furtado e Goulart; Viver a Vida, de Tata Amaral; Dov´e Meneghetti, de Beto Brant, e Ilha das Flores, o mais premiado dos curtas brasileiros.O Portacurtas é um projeto concebido e dirigido por Bruno Vianna, Júlio Worcman e Gabriela Dias. A trinca levou em conta experiência especial com o curta Barbosa, de Jorge Furtado e Ana Azevedo. Quando o goleiro Barbosa (da seleção de 50) morreu, Worcman contatou os realizadores do filme, garantindo, assim, sua disponibilização na internet.Por enquanto, o Portacurtas só tem direitos de exibição de 25 títulos. Todos eles integram lista dos cem melhores títulos do formato, eleitos em enquete organizada pelos diretores do novo site. Os mais votados foram - além de Ilha das Flores, o grande vencedor - A Velha a Fiar (H. Mauro/64), O Dia em Que Dorival Encarou a Guarda (Furtado e J.P. Goulart/1986), Mato Eles? (Sérgio Bianchi/1982), Couro de Gato (Joaquim Pedro/1962), Dov´e Meneghetti (Beto Brant/89), Frankenstein Punk (Fonseca e Hamburguer/85), Meow (Marcos Magalhães/82), Blá, Blá, Blá (Andrea Tonacci/1969), e Di (Glauber Rocha/1977).Ao buscar realizadores (ou herdeiros) para adquirir direitos de uso de cada título, os problemas se apresentaram. "Di permanece embargado na Justiça por Elizabeth Di Cavalcanti, herdeira do pintor", lembra Vianna. "Não conseguimos, também, autorização para programar Mato Eles?." Já Couro de Gato e Blá, Blá, Blá foram apartados da lista "por serem, na verdade, médias-metragens".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.